David Goffin na coletiva da final da Copa Davis. Crédito: Paul Zimmer

David Goffin na coletiva da final da Copa Davis. Crédito: Paul Zimmer

LANCE!
27/11/2015
13:59

Em um jogo emocionante e muito disputado o jovem britânico Kyle Edmund, 100º do ranking da ATP, fez o que muita gente duvidava e pressionou demais o belga David Goffin, 16º, que precisou aplicar uma virada para garantir o primeiro ponto da final da Copa Davis a seu país.

O belga precisou de 2h47 para fechar o placar em 3/6 1/6 6/2 6/1 6/0, tendo convertido quatro aces mesmo número de Edmund, que cometeu 24 erros não-forçados contra 26 de Goffin, que bateu 34 bolas vencedoras contra 28 do britânico.

Goffin fez história e se tornou o primeiro jogador desde o alemão Carl-Uwe Steeb a virar uma partida final de Copa Davis após perder os dois primeiros sets. Na ocasião, em 1988, Steeb virou sobre o sueco Mats Wilander.

O jogo

O primeiro set começou muito disputado, em um game de 12 minutos de duração, Edmund segurou a barra, salvou breakpoints e confirmou saque mostrando que daria trabalho. Na sequência, o britânico conquistou a quebra de saque, seguiu firme e agressivo, conquistou uma segunda quebra, abriu 5/0 no placar e viu Goffin tentar uma reação salvando setpoint no sétimo game, devolvendo uma das quebras, mas sua reação parou aí.

No segundo set, Goffin começou mais firme, mas pouco fez. Confirmou seu game de saque, tentou pressionar o adversário, mas acabou quebrado duas vezes em sequência, vu o rival abrir 5/1 e foi pressionado e em dupla-falta teve o saque quebrado e perdeu a segunda parcial.

No terceiro set, o belga iniciou sua reação, conquistou a quebra de saque no terceiro game, abriu 3/1, foi quebrado, mas reagiu, conquistou nova quebra de saque no sétimo game e sacou para fechar a parcial.

Entrando no quarto set empurrado pela torcida local e decidido a aplicar a virada, Goffin conquistou a quebra de saque no terceiro game e a partir daí dominou a disputa vencendo os cinco games consecutivos.

No quinto e decisivo set, Goffin abriu vencendo game de saque e aplicando pneu moral no britânico. A partir daí, o belga passou a jogar ainda melhor, conquistou a quebra de saque no segundo e quarto game e abriu 5/0 de vantagem e sacou para aplicar o pneu e fechar o jogo.