Bruno Soares e Jamie Murray

Divulgação FFT

Tênis News
19/08/2017
19:18
Cincinnati (Estados Unidos)

O mineiro Bruno Soares e seu parceiro, o escocês Jaime Murray, estão na grande final da chave de duplas do Masters 1000 de Cincinnati, nos Estados Unidos. Bruno contou a felicidade de buscar caneco inédito após a tensão de enfrentar o amigo Marcelo melo.

"Foi um jogo muito bom, apesar de nunca ser fácil jogar contra o Marcelo [Melo]. Sempre tem aquela tensão extra no ar por sermos muito amigos. Mas hoje conseguimos sacar muito bem e conseguimos manter o ritmo nos dois sets, que foi um problema nosso em Indian Wells e Miami - em ambos os torneios perderam para Melo/Kubot - e seguimos firmes, bem focados, aproveitando as duas quebras que conseguimos," analisou Bruno através de sua assessoria de imprensa.

Jogando sua 50ª final da carreira e em busca de seu 27º título profissional, inédito no Masters 1000 de Cincinnati, Bruno afirma ser especial a possibilidade de vencer um torneio que tem um brasileiro, André Silva, como diretor: O fato de ter o André como diretor do torneio passa a ser algo mais especial. O André está com a gente no circuito, com a ATP, há uns 20 anos e é sempre bom tê-lo por perto. Desde que ele virou diretor aqui o torneio passou a ter um significado diferente. Estou muito feliz e quem sabe amanhã vamos pegar essa caneco inédito."