João Souza, o Feijão

João Souza, o Feijão (Crédito: Fotojump/João Pires)

TÊNIS NEWS
06/11/2016
19:38
BOGOTÁ (COL)

Cinco tenistas representam o Brasil, a partir desta segunda-feira, no Challenger de Bogotá, Colômbia, que é jogado no saibro e distribui US$75 mil em premiação. João Sousa, o Feijão, atleta da Acioly Tennis Team, no Rio de Janeiro, é o sexto favorito ao título do torneio.

Número 122 do mundo, Feijão estreia contra o convidado americano Andrew Ely, que ainda não tem ranking na ATP.

O gaúcho André Ghem, 243º da ATP, mede forças com o carioca Fabiano de Paula, 722º colocado e atleta da Tennis Route, no Rio de Janeiro, que joga com ranking protegido, devido à contusão que lhe tirou de ação durante boa parte do ano.

Além dos três, a revelação Lucas Koelle, de apenas 18 anos, atual campeão da edição brasileira do Rendez-Vous à Roland-Garros, que também não tem ranking na ATP, ganhou um convite da organização e espera, na primeira rodada, um tenista vindo do qualificatório.

Por fim, o paulista Caio Zampieri, 269º, também aguarda um atleta vindo do qualifying.

Pelo torneio qualificatório, os brasileiros Fernando Romboli e Tiago Lopes disputam uma vaga na rodada final. O vencedor enfrentará Alejandro Gomez ou Gonzalo Escobar, e, em caso de triunfo, o tênis nacional terá seis representantes na capital colombiana.