Djokovic e Murray Xangai - Tênis

(Foto: WANG ZHAO/AFP)

TÊNIS NEWS
13/11/2016
14:26
Londres (Inglaterra)

Novak Djokovic, número dois do mundo, teve que suar para bater o estreante no torneio e nono do mundo, o austríaco Dominic Thiem, na abertura do ATP World Finals, evento com os oito melhores do ano que não tem Rafael Nadal.

O tenista que perdeu nos últimos dias a liderança do ranking e que busca a recuperação na disputa contra Andy Murray, marcou 6/7 (12/10) 6/0 6/2 diante do jovem de 23 anos após 2h02min de duração.

Nole vai em busca de seu quinto título no torneio onde é o atual tricampeão consecutivamente. Ele emplaca sua 28ª vitória em 38 jogos na competição que encerra o ano regular da ATP. O natural de Belgrado sai na frente do Grupo Ivan Lendl que tem duelo entre Milos Raonic e Gael Monfils ainda neste domingo. Ele reduz para 205 pontos a desvantagem para Murray que estreia nesta segunda-feira no Grupo John McEnroe.

O jogo
O primeiro set foi recheado de emoções. Os dois sacaram muito bem, Thiem jogava firme no saque e o tie-break foi necessário. Djokovic começou errático e no meio do desempate subiu com frequência para a rede, mas tomou passadas. Thiem abriu 6 a 3 e dois saques, mas sentiu, deu duas duplas-faltas, depois mais dois erros não-forçados nos set-points seguintes, e só foi fechar na sétima chance quando Nole flutuou um backhand e ele fulminou a direita winner fazendo 7/6 (12/10) após 1h07min.

No segundo set Thiem, que vencia sua primeira parcial em quatro jogos contra Djokovic, relaxou, tomou três quebras e viu o set passar em 23 minutos tomando um pneu, 6/0, sem ver a cor da bola.

Na terceira etapa Thiem tirou a nhaca do set anterior, saiu confirmando, mas foi quebrado no terceiro game e no sétimo e Djokovic, com gana e vibração, fez game firme para fechar e vibrar bastante.