Novak Djokovic

Novak Djokovic. Crédito: Tennis Australia

TÊNISNEWS
22/02/2016
14:57
Dubai (Emirados Árabes)

Número um do mundo, o sérvio Novak Djokovic mostrou mais uma vez, nesta segunda-feira, que segue em excelente forma e estreou com fácil vitória no ATP 500 de Dubai, torneio no piso rápido que distribui cerca de US$ 2,269 milhões em premiação.



O líder do ranking precisou de apenas 1h06min para superar o espanhol Tommy Robredo, ex-top 5 e atual 41º colocado, por 6/1 6/2. Essa foi a sétima vitória do sérvio em nove jogos sobre o rival que o havia derrotado no último encontro entre eles, no Masters de Cincinnati em 2014.

Djokovic vence sua 13ª partida em 13 jogos na temporada e segue firme em busca de sua 18ª final consecutiva no circuito, o que seria um recorde absoluto - atualmente ele divide a marca com Roger Federer. Seu rival nas oitavas será o convidado tunisiano Malek Jaziri (121º), que marcou 6/4 6/1 sobre o russo Mikhail Youzhny (78º). O duelo será inédito.

Na partida de hoje, Djokovic não foi brilhante, mas manteve sua eficiência. Foram ao todo 19 winners e 22 erros não-forçados contra apenas 7 bolas vencedoras e 28 equívocos do espanhol. Na primeira etapa, a quebra veio cedo, no segundo game, e o sérvio abriu 3/0. Depois voltou a quebrar no sexto e então sacou firme fechando por 6/1.

No segundo set, Robredo começou resistindo, salvou três break-points no primeiro game e outros dois no terceiro, mas na sexta oportunidade o sérvio quebrou, abrindo 2/1. Tranquilo nos seus games de saque, Nole vou a quebrar no quinto game, abriu 5/1 e sustentou a vantagem fechando por 6/2 após devolução na rede do rival.