Andy Murray no US Open

Andy Murray é o próximo rival de Grigor Dimitrov (Foto: USTA)

TÊNIS NEWS
04/09/2016
11:19
NOVA IORQUE (EUA)

Depois de mais de um ano em má fase no circuito da ATP, o búlgaro Grigor Dimitrov, 24º da ATP e 22º favorito no US Open, volta às oitavas de final de um Grand Slam pela primeira vez desde o Australian Open 2015.

Após quase ser eliminado na estreia de Toronto, pouco antes da Olímpiada, pelo modesto japonês Yuichi Sugita, Dimitrov ganhou moral, foi às quartas no Masters 1000 canadense, alcançando, após a Rio-2016, a semifinal em Cincinatti. Um giro de 360° na carreira do tenista de 25 anos, que já foi considerado uma das maiores promessas do tênis mundial.

“Voltei a curtir e me divertir dentro de quadra. Eu redescobri o meu amor pelo esporte, essa é grande diferença. Estou batendo na bola como há muito tempo não fazia e obtendo bons resultados, muito animado por voltar à segunda semana de um Grand Slam”, disse ele, apontando seu amor pelo jogo como a chave para a retomada.

Nas oitavas, ex-top 10 terá pela frente Andy Murray, justamente quem lhe derrotou em Melbourne, no ano passado. Grigor espera um confronto difícil, com os atletas atuando da forma como vem fazendo.

“Já joguei muitas vezes com ele, nos conhecemos muito bem. Não vai haver muitas surpresas, e duvido muito que algum de nós jogue de maneira diferente do que vem fazendo”, analisou o búlgaro, que tem retrospecto negativo contra Andy – 6x3 -, mas venceu o último duelo, em Miami 2016, em três sets.