Tênis News
23/07/2016
17:56
Gstaad (Suíça)

O espanhol Feliciano López, 21º do ranking da ATP e principal favorito à chave do ATP 250 de Gstaad, na Suíça, confirmou seu favoritismo diante do alemão Dustin Brown, 99º, e está de volta à final do torneio após 10 anos.

Feliciano precisou de 1h30 para fechar o placar de virada em 4/6 6/3 6/3 tendo disparado nove aces contra sete do alemão, que cometeu oito duplas faltas contra uma do espanhol, que venceu 78% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 76% de aproveitamento de Brown.

Brown, que vinha de vitórias sobre dois campeões do torneio, o russo Mikhail Youznhy nas quartas de final, e o bicampeão Thomaz Bellucci nas oitavas, teve um inicio de partida confiante conquistou uma quebra de saque e saiu na vantagem.

O jogo seguiu entre os dois veteranos no circuito de um modo pouco habitual para o saibro, com muitas jogadas junto à rede e variações que não utilizavam longas trocas de bolas desde a linha de base. Feliciano foi mais agressivo, conquistou uma quebra no inicio do segundo set e administrou e no set seguinte conquistou duas quebras de saque e fechou a partida.

Na grande final, Feliciano busca seu quinto título profissional, o primeiro em Gstaad, onde foi vice-campeão em 2006, quando o título ficou nas mãos do francês Richard Gasquet.

Para isso, o espanhol de Madri precisa superar o holandês Robin Haase, algoz do brasileiro Thiago Monteiro, que superou e o francês Paul-Henri Mathieu. na semifinal por 7/6 (5) 7/6 (2) .