Federico Delbonis - Aberto do Brasil - Final (Foto: Divulgação/ Brasil Open)

Federico Delbonis - Aberto do Brasil - Final (Foto: Divulgação/ Brasil Open)

Tênis News
14/03/2016
21:07
Indian Wells (Estados Unidos)

Vice-campeão do Masters 1000 de Indian Wells em 2009, o escocês Andy Murray, vice-líder do ranking da ATP, viu seu sonho de título inédito frustrado pelo canhoto argentino Federico Delbonis, 53º, que segue nas oitavas da competição.

Delbonis precisou de 2h46 para fechar o placar em 6/4 4/6 7/6 (3) tendo convertido cinco aces contra nenhum do escocês, que venceu com 68% dos pontos jogados com primeiro serviço contra 71% do argentino.

A partida começou com os dois tenistas sacando firme, até que no terceiro game, Delbonis arriscou nas devoluções e conquistou a quebra de saque, prontamente devolvida pelo escocês no game seguinte. O set seguiu disputado até o sétimo game, quando em erros bobos do escocês, o argentino tomou a frente e conquistou nova quebra. Com Murray mal nas devoluções, Delbonis apenas administrou a vantagem.

O segundo set começou disputado e muito equilibrado, com Delbonis confirmando seus games com menos dificuldades e erros do escocês. No nono game, o argentino teve a chance da quebra, que era praticamente um match-point, mas acabou desperdiçando batendo o backhand para fora e vendo Murray salvaro game e na sequência pressionar para conquistar a quebra e logo vencer o segundo set e igualar a partida.

No terceiro set a partida ficou melhor para Murray, que ficou mais assertivo e no quarto game conquistou a quebra de saque e abriu 4/1 no placar. Delbonis não desistiu, seguiu tentando levar o escocês ao erro e conseguiu no sétimo game. Com a partida igualada, o jogo seguiu duro, até que após desperdiçar dois breakpoints, conquistou a quebra e sacou para a partida.

Ali, sentiu a pressão, teve o saque quebrado e se viu forçado a disputar o tiebreak. Nele, saiu com uma mini-quebra de desvantagem no terceiro ponto. Correu atrás, devolveu na disputa do sexto ponto e com outras duas mini-quebras no oitavo e nono ponto em disputa teve a tranquilidade de sacar o ponto da partida, vencido com bom forehand.

Na fase de oitavas de final, Delbonis aguarda pelo vencedor da partida entre o canhoto de Barcelona, Albert Ramos Viñolas, e o talentoso francês Gaël Monfils.