Tenis - Del Potro (Foto:AFP)

Tenis - Del Potro (Foto:AFP)

TÊNIS NEWS
27/11/2016
16:19
Zagreb (Croácia)

O sonho da Argentina segue vivo em conquistar pela primeira vez a Copa Davis, maior competição de nações do tênis. Juan Martin Del Potro, 38º colocado, saiu abaixo 2 sets a 0, mas uniu forças para virar contra Marin Cilic, 6º, empatando a final em 2 a 2 em Zagreb.

Delpo, ex-top 4, impôs sua nona vitória em onze jogos contra o campeão do US Open de 2014, por 6/7 (7/4) 2/6 7/5 6/4 6/3 após 4h52min de batalha na lotada e empolgada arena com 15 mil pessoas.

Esta é a sexta vitória em quinze jogos no quinto set de Delpo que já havia batido Andy Murray em setembro na semifinal em cinco horas em Glasgow, na Escócia. É a primeira vez que ele vira um duelo perdendo por 2 a 0 na carreira.

Com o triunfo a Argentina empata em 2 a 2 o confronto decisivo da Copa Davis e a decisão ficará com Ivo Karlovic, 20º, e Federico Delbonis, 41º, se os capitães não optarem por mudanças.

A Argentina jamais venceu a competição com vices em 1981, 2006, 2008 e 2011. A Croácia foi campeã em 2005.

O jogo

Cilic começou com tudo, indo pra cima e vendo um Delpo nervoso, errático e conservador. Abriu 3/0, salvou cinco breaks para fazer 4/1, mas cometeu erro no backhand e cedeu o empate. Os saques falaram mais alto até o tie-break. O tenista da casa começou melhor, aplicando passadas, deixadas e slices com efetividade. Abriu 6 a 2, perdeu duas chances, mas fechou com bom backhand paralelo por 7/6 (7/4) em 1h14min.

A segunda etapa começou equilibrada,mas Delpo deu duas duplas-faltas, foi quebrado em 4/1 e tomou paralela para ser quebrado de novo. Cilic salvou dois breaks e fechou com belo voleio curto por 6/2.

Na terceira etapa Delpo seguiu acreditando, fez jogadaça no primeiro game com grand-willy lob winner e foi mantendo o saque. Teve um 15/40 salvo com dois aces seguidos por Cilic. O set seguiu serviço a serviço até Delpo abrir um 0/40 e fechar o set com bela jogada na rede por 7/5 em uma hora de set.

No quarto set os ânimos ficaram aflorados, a torcida participou ainda mais e o jogo foi indo saque a saque com Cilic se safando de chances de quebra com aces e bons serviços. No 4/4 um game apertado e o árbitro deu violação de tempo para a Argentina após uma longa troca e torcida incendiando o estádio. Em seguida Delpo cravou o saque, ficou em vantagem e proferiu palavras de baixo calão. O árbitro deu violação de código, o capitão argentino e Delpo reclamaram com o capitão croata. Após três minutos parados e dez de game, Delpo confirmou e jogou tudo e mais um pouco no game seguinte com direita firme para fechar a parcial com quebra em 6/4.

Na quinta parcial Cilic saiu quebrando com dupla-falta do sul-americano, mas Delpo, na raça, virou e o jogo caminhou game a game até Delpo colocar pressão, conseguir a quebra para fechar com muita coragem por 6/3. Emocionado, ele chorou na entrevista pós-jogo e vibrou muito com a inflamada torcida argentina.