Thiago Wild

Thiago Wild é o principal brasileiro na categoria masculina da edição 2016 do Bahia Juniors Cup (Crédito: Heusi)

TÊNIS NEWS
21/09/2016
16:33
SALVADOR (BA)

Foi divulgada, nesta quarta-feira, a lista da categoria principal da 32ª edição do Bahia Juniors Cup, maior torneio de tênis Infanto-juvenil do Nordeste. O evento com pontuação pro ranking mundial da Federação Internacional de Tênis da categoria Grau 3 ganha nesta temporada o status isolado como o maior do Brasil no segundo semestre e terceiro maior na temporada no país.

Uma das mais tradicionais competições do país, disputada desde a década de 80, a edição deste ano o centenário do Clube Bahiano de Tênis, berço do tênis baiano, localizado no bairro da Graça, em Salvador (BA).

O torneio, que em 2015 contou com 209 atletas de 15 países, ampliou seu cartél para a edição de 2016 que será jogada entre os dias 15 e 22 de outubro e terá a participação de atletas de 20 países nos torneios masculino e feminino. São jogadores de Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, França, Canadá, Rep. Tcheca, Bolívia, Holanda, Guatemala, Grécia, Peru, Portugal, Grã-Bretanha, Egito, Suíça, Equador, Croácia, Rússia e Estados Unidos.

Atual campeã, a brasileira Thaísa Pedretti, de 17 anos, retona para defender sua conquista e é a principal brasileira. São seis tenistas nacionais na lista e o retorno de três estrangeiras, a britânica nascida no Brasil, Kelly Araújo, a suíça Aleksandra Baldakina e a egípcia Yusra Hegy. Catorze tenistas estão entre as 500 melhores do ranking sendo 4 entre as 200 melhores.

No masculino o Brasil terá como destaques Thiago Wild, campeão do BNP Paribas Cup em 2014, torneio na categoria 14 anos com final em Roland Garros e que já contou com feras como Fernando Gonzalez, Guillermo Coria como campeões e Richard Gasquet como vice-campeões, todos que passaram pelo top 10 do ranking mundial. Wild ergueu a taça na frente da Torre Eiffel, ritual seguido pelos campeões do torneio profissional de Roland Garros. Além disso ele fez a melhor campanha na Copa Gerdau de um brasileiro com quartas de final. A Copa Gerdau está entre os nove maiores torneios do mundo e é jogada em março, em Porto Alegre (RS).

O Brasil terá também o pernambucano João Lucas Reis, natural do Recife (PE), nordestino, atual campeão de duplas com o baiano Leonardo Menezes e um dos favoritos ao título, campeão este ano em em Mendoza, na Argentina, além de Mateus Alves, pupilo do ex-top 100 Thiago Alves, que enfrentou Roger Federer na quadra central do US Open, e que vem embalado por duas conquistas no Chile no fim de agosto e começo de setembro. O brasiliense Gilbert Klier Jr., de 16 anos, foi campeão do Banana Bowl na categoria 16 anos e faturou dois títulos seguidos na Argentina e é um forte candidato brasileiro.

"O Bahia Juniors Cup é um revelador de talentos. Estamos muito felizes com a lista dos atletas, estamos batendo o recorde de países o que mostra que o torneio se consolida cada vez mais não só no Brasil, mas também pro mundo com a organização, estrutura, facilidade pros atletas e opções para eles subirem no ranking e disputarem os principais torneios do mundo no ano seguinte. Ficamos ainda mais felizes com o retorno de tenistas da Europa e da África e mais americanos e argentinos disputando a chave. Os estrangeiros ano passado se encataram com as belezas de Salvador com o hotel pertinho do clube e na frente da praia da Barra", declarou Gian Biglia, organizador da competição junto com Duda Catharino, que coordena a equipe de tênis do Clube Bahiano de Tênis e é o diretor da competição.

A competição do ano passado revelou Felipe Alves Meligeni, atual 31º do mundo e primeiro do país, que recentemente encerrou sua carreira juvenil conquistando o US Open nas duplas se tornando o quinto brasileiro na história a ganhar um Major como júnior, feito alcançado somente por Gustavo Kuerten nas duplas de Roland Garros em 1994, Orlando Luz e Marcelo Zormann em Wimbledon 2014 e em simples por Tiago Fernandes no Australian Open de 2010. Felipe concluiu sua carreira juvenil. Gabriel Decamps, campeão do ano passado, é o segundo melhor do país e disputou os Grand Slams em 2016.

O evento tem história no cenário nacional.

Inscrições para torneio Sul-Americano Cosat encerram na terça-feira, dia 26 - Nas categorias 16 e 14 anos com pontuação para o ranking Cosat, da América do Sul, as inscrições só terminam na próxima segunda-feira, dia 26. Para as categorias 12 anos e Tennis Kid´s, contando pontos para o ranking da Confederação Brasileira de Tênis, as inscrições fecham no dia 3 de outubro. As inscrições para 12, 14 e 16 anos podem ser feitas diretamente no site da CBT através do endereçohttp://www.tenisintegrado.com. br/new_torneio/index2/2/2016/ 0/0/10.

O maior do Nordeste e um dos mais tradicionais do país é um revelador de talentos. Teve a presença de Fernando Meligeni, semifinalista de Roland Garros em 1999, quarto lugar na Olimpíada de Atlanta de 1996 e ex-top 25 profissional, passou pelo evento assim como Marcelo Saliola, Marcio Carlsson, Marcos Daniel, Jaime Oncins, Flavio Saretta, André Sá, Daniel e Marcelo Melo dentre muitos outros nomes expoentes do tênis brasileiro.

Recebeu também Gustavo Kuerten que foi campeão na década de 90 na categoria 16 anos batendo o baiano Duda Catharino Gordilho em final apertada e anos depois levando o troféu de Roland Garros no profissional, um dos mais prestigiados eventos do mundo. Duda Catharino, melhor tenista baiano na década de 90, comanda hoje o Centro de Treinamento no Clube Bahiano de Tênis com alguns dos melhores do país e será o diretor da competição ao lado de Gian Biglia.

O evento baiano também terá a presença os baianos e Natan Rodrigues, melhor do Brasil nos 14 anos que vem de final e semis em competições do circuito europeu e pulará de categoria para tentar o troféu em casa nos 16 anos e Maria Menezes, atleta da casa que vem do título Sul-Americano por equipes no Paraguai e da disputa do Mundial em Prostejov, na República Tcheca. Ela esteve entre as seis melhores do continente Sul-Americano e também disputou a gira europeia com Natan nos 14 anos.

Confira a lista dos tenistas no masculino e feminino: *

Masculino

1 - Sebastian Baez (ARG) 123

2 - Thiago Wild (BRA) 149

3 - João Lucas Reis (BRA) 169

4 - Franco Aubone (ARG) 303

5 - Lucca Takeda (BRA) 351

6 - Javier Gonzalez (CHI) 363

7 - Mateus Alves (BRA) 370

8 - Tomas Kopczynsky (EUA) 388

9 - Matheus Pucinelli (BRA) 389

10 - Tomas Descarrega (ARG) 391

11 - Tristan Boyer (EUA) 435

12 - Arthur Bernabe (FRA) 459

13 - Tyler Zink (EUA) 470

14 - Juan Grassi (ARG) 475

15 - Gilbert Klier (BRA) 496

16 - Ezequiel Santalla (ARG) 518

17 - Felipe Acosta (ARG) 530

18 - Gabriel Bugiga (BRA) 534

19 - Vinicius Feijão (BRA) 547

20 - Igor Gimenez (BRA) 561

21 - Daniil Savelev (RUS) 592

22 - João Ceolin (BRA) 689

No quali

1 - Dimitri Bird (EUA)

2 - Vicente Andrades (CHI)

3 - Daniel Ortiz (CHI)

4 - João Ferreira (BRA)

5 - Preston Brown (EUA)

6 - Christian Oliveira (BRA)

7 - Agustin Coppari (ARG)

8 - Bruno Pessoa (BRA)

9 - Juan Paredes (COL)

10 - Santiago Galan (COL)

11 - Diego Padilha (BRA)

12 - Enzo Kohn (BRA)

13 - Boruch Skierkier (ARG)

14 - Luiz Santos (BRA)

15 - Facundo Acosta (ARG)

16 - Mathias Adrian (ARG)

17 - Andy Sun (CAN)

18 - Lucas Cruz (BRA)

19 - Karl Heinrichs (BRA)

20 - Federico Kuiper (ARG)

21 - Stepan Pecak (CZE)

22 - Nicolas Aguer (ARG)

23 - Bruno Caula (ARG)

24 - Armando Ferreira (BRA)

25 - Matheus Leite (BRA)

26 - Antonio Neto (BRA)

Feminino:

1 - Thaísa Pedretti (BRA) 125

2 - Fernanda Labrana (CHI) 146

3 - Daniela la Fuente (BOL) 155

4 - Marel Hoedt (HOL) 191

5 - Ruth Galindo (GUA) 235

6 - Vasiliki Karvouni (GRE) 250

7 - Maria Corado (GUA) 263

8 - Paula Baranano (ARG) 278

9 - Vitoria Okuyama (BRA) 300

10 - Nathalia Gasparin (BRA) 349

11 - Georgia Gulin (BRA) 389

12 - Jimar Gerald (CHI) 412

13 - Maia Guilhermina (ARG) 458

14 - Dakota Fordham (EUA) 472

15 - Ana Cruz (BRA) 639

16 - Kiana Motosono (PER) 691

17 - Flavia Gutierrez (BOL) 794

18 - Rebeca Silva (POR) 907

19 - Erica Drodrige (GBR) 944

20 - Anca Craciun (CAN) 1011

21 - Alexia Romero (ARG) 1033

22 - Mariana Correa (BRA) 1112

No Quali

1 - Yusra Hegy (EGI)

2 - Thassane Abrahim (BRA)

3 - Alexandra Baldakina (SUI)

4 - Thais Andreotti (BRA)

5 - Kathleen Percegona (BRA)

6 - Tiegan Aitken (GBR)

7 - Mariana Borges (BRA)

8 - Julia Iglesias (BRA)

9 - Fiorella Medina (EQU)

10 - Nicole Beidacki (BRA)

11 - Luiza Fullana (BRA)

12 - Nalanda Teixeira (BRA)

13 - Kelly Araujo (GBR)

14 - Raissa Wagner (BRA)

15 - Andressa Gomes (BRA)

16 - Neli Sunjic (CRO)

17 - Julia Candiotto (BRA)

18 - Alessandra Silva (BRA)

19 - Maria Vieira (BRA)

20 - Isabella Sarquis (BRA)

21 - Ana Laura Faria (BRA)

22 - Isabella Ciancaglini (BOL)

23 - Nina Gulbransen (EUA)

24 - Zana Ameti (EUA)

25 - Erika Cheng (BRA)

26 - Ana Melilo (BRA)

* sujeito a alterações até a data do início do torneio

O Bahia Juniors Cup conta com o patrocínio do Governo do estado da Bahia pela Sudesb- Superintensd e da Construtora Moura Dubeux.. O evento tem o apoio da Gatorade e é chancelado pela Federação Bahiana de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis, Federação Internacional de Tênis e Cosat.