Bellucci celebra a vitória sobre o belga David Goffin. Raça do tenista brasileiro

(Foto: JAVIER SORIANO / AFP)

Tênis News
30/09/2016
09:56
Shenzen (China)

O tenista número um do Brasil e 81º do mundo, Thomaz Bellucci, conquistou algo inédito em sua carreira hoje: alcançou a semifinal de um torneio asiático, após bater o 22º do mundo, o australiano Bernard Tomic, no ATP 250 de Shenzen, na China.

Com o saque calibrado e firme nas trocas de bolas, Bellucci precisou de 1h01 para fechar a partida em um duplo 6/2 tendo disparado 14 aces contra três de Tomic, que venceu 56% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 92% de aproveitamento do paulista de Tietê, que perdeu em todo o jogo apenas dois pontos jogados em seu primeiro serviço, ambos em erros não-forçados.

Bellucci iniciou a partida agressivo com devoluções de backhand, forçou o australiano a disputar três igualdades em game de quatro minutos e deu sinais de que queria a vaga na semifinal. Em seu primeiro game de saque converteu quatro aces e fechou em menos de 40 segundos. A partida seguiu e o brasileiro conquistou a quebra de saque no terceiro game, abriu 2/1 e precisou salvar dois breakpoints no game seguinte para confirmar. Firme na devolução e buscando jogadas diferentes, o canhoto de Tietê voltou a quebrar o saque de Tomic, fez 5/1 e administrou a vantagem.

Na segunda etapa, Bellucci manteve o ritmo, forçou o adversário a salvar breakpoint no primeiro game e firme da linha de base com backhand conquistou a quebra no terceiro game, fez 3/1 e passou a administrar. Bellucci optou por jogar mudando a trajetória da bola. A variação deu resultado no sétimo game onde o brasileiro conquistou sua segunda quebra na parcial e sacou para fechar a partida.
Em sua primeira semifinal de torneio ATP em território asiático Bellucci encara o vencedor da partida entre os tchecos Tomas Berdych e Jiri Vesely.

Antes de Shenzen, o mais distante que Bellucci havia ido na chave de um torneio asiático foi em Xangai, também na China, onde alcançou segunda rodada.