Thomaz Bellucci

Federação Equatoriana de Tênis

TÊNIS NEWS
16/04/2017
19:11
Houston, Estados Unidos

Foi uma grande semana para o paulista Thomaz Bellucci mas o título escapou por pouco neste domingo. Após 2h24 de partida, o brasileiro saiu derrotado diante do americano Steve Johnson pelo placar de 6/4 4/6 7/6(5).

Esta foi a oitava final da carreira do brasileiro que venceu Gstaad em 2009 e 2010, o ATP de Santiago em 2010 e o ATP de Genebra em 2015. Bellucci não fazia final em um torneio de nível ATP desde Quito em 2016, quando foi derrotado pelo dominicano Victor Estrella Burgos.

Com os pontos conquistados, o brasileiro volta a figurar próximo ao top 50 do mundo e deve figurar na posição de número 53 no ranking que será atualizado nesta segunda-feira.

Bellucci abriu a partida bem, convertendo a quebra de saque logo no primeiro game e dando indícios que de dominaria completamente a partida, mas rapidamente o americano se impôs e devolveu a quebra já no quarto game. Bellucci se segurou como pôde até o 10º game, quando cometeu uma série de erros e, com uma dupla falta, acabou cedendo a quebra que deu a vitória do set ao americano por 6/4.

No segundo set o jogo ficou mais equilibrado, com ambos os tenistas mantendo seus serviços, mas o americano confirmava com um pouco mais de dificuldades que o brasileiro. A igualdade se manteve até o nono game, quando o americano cometeu erros, Bellucci cresceu e converteu a quebra, sacando para fechar em 6/4 em seguida.

Embalado, o brasileiro teve a quebra já no primeiro game do terceiro set, abrindo rapidamente 4/2 no marcador. Novamente, Bellucci jogou mal, cedeu a quebra e se viu sacando para se manter vivo na partida. O brasileiro ainda manteve bem seus serviços e teve uma grande chance no 11º game da partida, quando Johnson começou a sentir fortes cãibras na perna direita e teve grandes dificuldades para sacar, mas Bellucci jogou uma devolução de segundo saque na rede, dando o game ao americano. A partida seguiu para a definição no tie-break onde, mesmo sentindo o físico, Johnson foi superior e fechou em 7-5, após o brasileiro salvar 3 match-points.