Thomaz Bellucci saca em partida de 4ª de final contra Bernard Tomic

Foto: Divulgação Zhenzen Open

Tênis News
22/10/2016
16:51
Viena (Moscou)

Cerca de  30 horas após ser eliminado nas quartas de final do ATP de Moscou, na Rússia, o número um do Brasil e 62º do mundo, Thomaz Bellucci, entrou em quadra como principal favorito na chave do qualificatório do ATP 500 de Viena, na Áustria, mas caiu na estreia para o georgiano Nikoloz Basilashvili, 110º da ATP.

O gerogiano precisou de 1h44  para fechar o placar em 6/2 7/6 (5) tendo disparado três aces contra três do brasileiro, que venceu 58% dos pontos jogados com seu primeiro serviço contra 68% de aproveitamento de Basilashvili.

A partida começou com o brasileiro se complicando já no primeiro game A exemplo de sua eliminação em Moscou, Bellucci foi quebrado no game inicial da partida, mas a quebra no torneio austríaco foi dramática, tendo o brasileiro perdido três dos quatro pontos jogados no game com seu primeiro serviço. O drama seguiu e o canhoto de Tietê devolveu a quebra no game seguinte. A inversão prosseguiu e Bellucci voltou a ser quebrado no terceiro game. Mais estável, Basilashvili confirmou o saque no quarto game, viu o brasileiro endurecer, mas voltou a quebrá-lo no sétimo game e sacou para a parcial. Ali, precisou salvar quatro chances de quebra do brasileiro e levar a disputa para a segunda etapa.

Esta foi dura, firmes em seus games de saque, os tenistas trocaram quebras no terceiro e quarto game  e a disputa parou no tiebreak. Ali, o georgiano voltou a ser melhor, com mini-quebra abriu 5/2, viu Bellucci tentar reagir, mas ficou por isso mesmo e fechou o placar.

Na final do quali, Basilashvili encara o moldávio  Radu Albot que venceu o britânico Marcus Willis, surpresa da última edição de Wimbledon, por 6/3 6/7 (9) 6/4.