Boris Becker

(Foto: Christian Charisius)

TÊNIS NEWS
01/12/2016
13:59
Berlim, Alemanha

Na Alemanha muito tem se falado que a relação entre Djokovic e seus treinadores, Boris Becker e Marian Vajda, não está em seu melhor momento. A causa seria a inclusão do guru Pepe Imaz ao grupo, como conselheiro espiritual do sérvio.

Diversos veículos como Sport Blic, B92 e o Bild, noticiaram que Becker teria dado um ultimato ao sérvio: “Ou Pepe Imaz ou eu”. De acordo com os veículos de comunicação, após a final de Londres, Djokovic teria conversado com Becker sobre a renovação do contrato para 2017, o qual expira agora em dezembro, e o alemão teria respondido que aquele não era o momento mais propenso para conversa.

Segundo as notícias, Marian Vajda teria se posicionado à favor de Becker na situação. Os treinadores teriam pedido ao sérvio que seguisse com o mesmo formato de equipe que tem hoje, e se fosse incluir o espanhol no grupo, que fosse com um cargo menor e não como um dos treinadores principais.

De tudo, o mais importante foi descobrir que tanto Becker como Vajda querem continuar sendo os treinadores do sérvio. Agora resta esperar nos próximos dias a informação oficial se o sérvio renovará ou não com seus treinadores e qual papel terá Pepe Imaz em seu corpo técnico.