Nicolas Almagro - Australian Open (Foto: Daniel Munoz/Reuters)

Nicolas Almagro (Foto: Daniel Munoz/Reuters)

TÊNIS NEWS
14/02/2016
11:24
BUENOS AIRES (ARG)

'Quem acredita, sempre alcança'. Será que Nicolas Almagro ouviu a famosa música antes do jogo de ontem? Ele derrotou David Ferrer, segundo favorito, pela primeira vez na carreira, no 16º confronto entre os dois, e está na final do ATP de Buenos Aires.

A partida durou mais de 1h50 e teve o placar de 6/4 e 7/5. Almagro, que vem de uma lesão que o atrapalhou bastante no ano passado e fez seu ranking cair para o número 72, chega à primeira final desde o ATP de Houston, no saibro americano, em 2014, e tentará, contra o austríaco Dominic Thiem, que bateu o favorito Rafael Nadal, seu primeiro título desde o ATP de Nice, na França, em 2012.

No primeiro set, muita luta. Com os dois apresentando um bom nível de jogo, Almagro soube aproveitar a oportunidade que teve no sétimo game, quando Ferrer sacava em 3/3, e seguro seu saque, mesmo tendo quatro chances de quebra contra si, fechando a parcial em 6/4.

Na segunda parcial, Ferrer melhorou seus números, jogou mais estável, mas Almagro vem “numa semana de Djokovic”, e isso, combinado ao cansaço de Ferrer, que mais cedo, neste sábado, encarara um duro jogo contra o uruguaio Pablo Cuevas, fez da vitória uma tarefa muito difícil para Ferrer: ele não aproveitou a única chance de quebra que teve no set e, em uma das cinco que cedeu, perdeu o saque no decisivo décimo primeiro game, quando sacava em 5/5, deixando o compatriota a um game de saque da final. Então, aos 30 anos, ocupando o 72º posto da ATP e vindo de uma lesão que o afastou por um bom tempo do circuito, Almagro fechou a partida e conquistou sua primeira vitória contra Ferrer em dezesseis jogos.

“Estou muito feliz. É o prêmio por três meses de trabalho intenso que estão sendo refletidos aqui em Buenos Aires. Tomara que amanhã eu consiga manter este nível”, disse o ex top 10.

"IMPACTO" COM NADAL FORA E PROJEÇÃO DE THIEM
Sobre a final contra o austríaco, quando tentará o primeiro título em quase quatro anos, ele fez uma análise e revelou ser "impactante" não ver Nadal numa final no saibro.

“Thiem é um jogador muito valente e muito agressivo. A partida dele contra Nadal foi decidida por detalhes. Espero que, se isso se repetir amanhã, seja para o meu lado”.

“Ele [Thiem] é um jogador muito perigoso, um tenista que te leva ao limite. Foi uma surpresa vê-lo derrotar Nadal. Não ver Rafa numa final no saibro, na verdade, sempre é um pouco impactante”, finalizou Almagro, mostrando a surpresa habitual de toda comunidade do tênis, a cada derrota do chamado “Rei do Saibro” na superfície.