Bruno Cassucci
20/07/2016
12:22
Teresópolis (RJ)

O frio de Teresópolis não desanimou os jogadores da Seleção Brasileira, que fizeram um intenso treinamento na manhã desta quarta-feira, na Granja Comary. Depois de trabalho na academia, os jogadores foram a campo e participaram de uma atividade em campo reduzido, na qual só era permitido dar dois toques na bola, visando aperfeiçoar a agilidade de raciocínio, a qualidade no passe e a pressão na marcação.

O destaque do treinamento não foi Neymar, Gabigol, nem Gabriel Jesus, mas sim um "intruso". Convidado juntamente com outros garotos da equipe sub-20 para completar as atividades da equipe olímpica, o jovem Matheusinho, do América-MG brilhou. O garoto de 18 anos e apenas 1,64m fez boas jogadas e aplicou duas canetas.


A atividade foi bastante disputada e contou com gritos do técnico Rogério Micale, que assistiu ao treino do lado de fora, enquanto um de seus auxiliares apitava e comandava o trabalho. A todo momento o treinador da Seleção olímpica passava orientações:

- Agride, encurta o campo, sobe junto, pressiona a bola - gritava.

Enquanto isso, os goleiros fizeram um trabalho específico com o preparador Rogério Maia. Eles foram os primeiros a chegar e os últimos a sair. Antes de treinarem saídas do gol e defenderem finalizações, Fernando Prass, Uilson e o convidado Daniel Fuzato disputaram partidas de futevôlei, para aprimorar o jogo com os pés.

Tite, técnico da Seleção principal, chegou na Granja Comary já no fim da atividade e cumprimentou um a um os jogadores.

Mais uma vez o meia Rafinha, em recuperação de lesão muscular, não treinou no campo, assim como Douglas Santos, lateral-esquerdo que atuou pelo Atlético-MG na noite de segunda-feira. Marquinhos e Renato Augusto ainda não se apresentaram à Seleção, que volta a treinar na tarde desta quarta-feira.