Brasil x Chile

Tite no Allianz Parque, no duelo desta terça-feira (Foto: Luis Moura / WPP)

Fellipe Lucena e Marcio Porto
11/10/2017
00:17
São Paulo (SP)

Conhecido pelo jeito calmo e comportamento tranquilo, Tite ficou furioso no duelo entre Brasil e Chile na noite desta terça-feira em São Paulo. Após a vitória brasileira por 3 a 0, o treinador da Seleção contou que o zagueiro chileno Medel o tirou do sério, com insultos contra a mãe de Neymar. E Tite classificou isso como um de seus erros, ao ser perguntado se só havia acertado até o momento. O treinador termina as Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018 invicto, com com dez vitórias e dois empates.

- Eu devo ter cometido um monte de erros. Humanamente, digo que não faço isso premeditado. Mas seguramente devo ter feito bastante, produzido bastante erros. Cometi um hoje. Fiquei bravo que o cara nos ofendeu. E tem de ficar quieto, engolir o sapo. E tem de jogar. E eu errei, cai na pilha com o Medel - afirmou Tite, que contou mais detalhes sobre o ocorrido ao analisar o cartão amarelo dado para Neymar no primeiro tempo.


- O cartão amarelo do Neymar eu quero ver de novo. Para mim, ele foi proteger e não teve nenhuma situação. Ele abriu o braço como instinto de proteção normal. Eu vi outros lances que teve mais. Não estou aqui para defender ninguém, não. O que aconteceu no intervalo a gente sabe. Às vezes tem de matar no peito o cara ofender a nossa mãe. Especificamente, do Medel. Porque eu vi. E a mãe dele e minha mãe não merecem. Depois falei com o Medel. Terminou. Mas a gente precisa ter cuidado com as coisas - disse Tite.

Muito satisfeito com o trabalho, que fez o Brasil terminar as Eliminatórias como líder absoluto e batendo recordes, o treinador aproveitou para agradecer à torcida do Palmeiras, em cujo estádio a Seleção se apresentou nesta terça, no Allianz Parque. Ele falou sem ser perguntado, entre uma questão e outra. No jogo, 41.008 pessoas estiveram presentes, sendo o ecorde da história do estádio.

- Quero agradecer à torcida do Palmeiras, porque sei que ela predominantemente estava no estádio. E ela passou um carinho muito grande. Sei que a torcida de clube é diferente da de seleção. Mas ela torceu aqui. Obrigado ao torcedor do Palmeiras. A gente sabe que tinha outras, mas era predominante - declarou Tite.