Pelé

Pelé está em Milão (Foto: Reprodução / Instagram)

RADAR/LANCE!
26/05/2016
09:55
Milão (ITA)

Quando o Rei do futebol fala sobre a seleção de seu país, é preciso se levar em consideração. Nesta quinta-feira, o jornal italiano "Gazzetta dello Sport" publicou uma entrevista com Pelé, onde ele fala sobre o atual momento do Brasil.

Para a lenda, que está na Itália para divulgar o filme "Pelé - O nascimento da lenda", o trabalho de Dunga tem evoluído e priorizado a ofensividade.

- É um homem muito honesto e mudou seu modo de entender o jogo. Agora é menos defensivo, pensa mais no ataque - disse.

Ao diário, Pelé também lamentou e definiu como "muito triste" o desempenho da Seleção Brasileira na última Copa do Mundo.

- A última Copa foi muito triste. Levamos sete gols da Alemanha. Perder faz parte, mas levar sete gols é demais. Eu tinha nove anos quando vi meu pai chorar. Foi depois do Maracanazo, a derrota do Brasil na final para o Uruguai em 1950. Dois anos atrás, quando fomos humilhados pela Alemanha, meu filho que quase me viu chorar. Foi um desastre sem explicação. Nós perdemos duas Copas do Mundo jogando em casa. Hoje temos apenas Neymar como craque, é muito pouco - afirmou. 

Pelé deve ficar na cidade italiana para assistir, neste sábado, ao duelo entre Real Madrid e Atlético de Madrid pela final da Liga dos Campeões, no San Siro (Giuseppe Meazza). A partida será realizada às 15h45 (de Brasília).