Neymar e Dier - Inglaterra x Brasil

Neymar briga pela bola em jogo difícil contra a Inglaterra (Foto: Ian Kington / AFP)

LANCE!
14/11/2017
21:56
Londres (ING)

Após o último jogo da Seleção Brasileira em 2017, Neymar comemorou o ano feito pela equipe e se mostrou otimista para a Copa do Mundo. Nesta terça-feira, contra a Inglaterra, o rendimento foi aquém do esperado, mas o atacante avaliou positivamente o jogo feito pela equipe.

- Tentamos de tudo, trabalhamos a bola, tivemos oportunidades de gol. Foi uma partida que tivemos a posse de bola alta e sabíamos que seria um time mais defensivo do que as outras equipes, mas gostei da forma como a nossa equipe se comportou. Não demos chances ao adversário, tentamos criar, tivemos dificuldade, mas isso é bom para nós. Fico feliz pelo ano, por terminar bem - analisou o camisa 10.

Perguntado sobre a postura que as equipes vão aderir contra o Brasil, Neymar afirmou que não tem como determinar isso antes das partidas, mas a expectativa é que os times adotem uma força defensiva maior.

- O Japão marcou em cima, a Inglaterra já esperou mais a gente. Não sabemos, cada equipe tem sua forma de jogar, mas acredito que a maioria dos nossos jogos vão ser como hoje. Foi uma partida de movimentação, triangulação, passes rápidos. Conseguimos alguns espaços, mas não concluímos ao gol.

A Seleção só tem mais dois testes marcados antes da convocação definitiva para o Mundial da Rússia, contra os anfitriões e a Alemanha, algóz da Copa de 2014. Neymar revelou qual foi o conselho de Tite para essa reta final.

- O recado dele nem foi só aqui. Ele falou para que a gente jogasse muito nas nossas equipes. Eu sei que a cabeça dele está um trevo para escolher os jogadores a cada convocação e também para a Copa do Mundo. Temos que deixar a cabeça do Tite maluca mesmo. Todos têm que se doar o máximo possível para poder representar a nossa nação - completou.