Brasil x Alemanha

Alemanha massacra o Brasil. Argentinos esperam novo 'Mineirazzo' (Foto: Adrian Dennis / AFP)

LANCE!
09/11/2016
15:24
Buenos Aires (ARG)

A imprensa esportiva argentina é unanime em relacionar o clássico sul-americano desta quinta-feira à maior da derrota da história da Seleção Brasileira, na goleada sofrida para a Alemanha por 7 a 1, ocorrida em julho de 2014, no Mineirão, pela semifinal da Copa do Mundo.

- Dois anos depois, o Scratch volta a jogar no lugar da catástrofe. O jogo contra a Argentina represente um acontecimento em si mesmo. De repente, o Brasil começa a reviver as recordações. A marca existe, a ferida está aberta. O fantasma se fará presente - aposta o jornal "Olé".

Do mesmo grupo empresarial, o "Clarín" segue no mesmo tom e ainda lembra que a Alemanha estava com as cores do Flamengo no dia da tragédia.

- Era uma homenagem que se transformou em uma puada. A Alemanha vestia uma camisa igual a do Flamengo, equipe mais popular do mundo. Foi a tarde da máxima humilhação do futebol brasileiro. Ninguém imaginava o resultado. Foi um filme. Um filme de terror. Ninguém poderia prever aquele incêndio - destaca.

Outro jornal com circulação expressiva no país, o "La Nación" relaciona o  7 a 1 como mais um dos escândalos do futebol brasileiro, citando a troca de poder na CBF e o fato dos velhos caciques da entidade estarem envolvidos no "Fifa Gate", episódio que desvendou o maior esquema de corrupção no mundo da bola.

Brasil e Argentina se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), no Mineirão, pela 11[ rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2018. Os pentacampeões mundiais somam 21 pontos e estão na liderança. Os hermanos ocupam o sexto lugar, com 16, e estão fora da zona de classificação para a Rússia.