Jogadores da Seleção dentro do estádio (Rafael Ribeiro / CBF)

Argentinos jogam bola na quadra do estádio em Buenos Aires (foto: Rafael Ribeiro/CBF)

Felipe Bolguese
12/11/2015
22:21
Enviado Especial a Buenos Aires (ARG)

Após o adiamento de Argentina x Brasil por conta da chuva, alguns jogadores da Seleção Brasileira ficaram no Monumental de Nuñez para trabalhos físicos com bola dentro do vestiário. Neymar, Elias, Renato Augusto, Daniel Alves e os três goleiros deixaram o estádio logo na sequência para um trabalho físico na academia do hotel em que o grupo está concentrado em Buenos Aires.

Os jogadores da Argentina seguiram em Nuñez. Os atletas utilizaram uma quadra poliesportiva do estádio e passaram o tempo jogando futebol e basquete. Por volta das 22h30, eles deixaram o estádio e liberaram o espaço para o mesmo trabalho com bola dos demais jogadores brasileiros. A programação da Seleção segue a mesma, com um dia de "atraso". A equipe vai treinar no sábado de manhã em Buenos Aires e depois viaja para Salvador, local da partida contra o Peru, na terça-feira.

Após os primeiros 30 minutos de atividade dentro do vestiário, e informado de que o ginásio usado pelos argentinos já estava livre para os brasileiros, o preparador Fábio Masheredjian perguntou aos jogadores:

- Moçada, podemos parar ou vocês querem treinar mais? - perguntou o preparador, de acordo com a CBF.

O meia Kaká puxou o "sim", acompanhado pelos companheiros. Todos foram então para o ginásio do River Plate (ARG) bater bola.


Por conta de um temporal em Buenos Aires desde a tarde, o campo ficou sem condições de receber o superclássico, marcado para as 22h (de Brasília) desta quinta. O jogo foi remarcado para o mesmo horário, nesta sexta. Muitos torcedores, por conta das ruas alagados e trânsito caótico, não conseguiram chegar ao Monumental. Mais de 43 mil ingressos foram vendidos.

Neymar saindo do estádio
Neymar saindo do estádio após o adiamento