Chegada de Calleri
Marcio Porto
13/06/2016
12:31
São Paulo (SP)

O atacante Jonathan Calleri voltou ao São Paulo nesta segunda-feira. O argentino foi liberado para acompanhar o enterro do melhor amigo na Argentina no último fim de semana e ficou fora do duelo contra o Atlético-PR, no último sábado, no Morumbi. De volta, Calleri não perdeu tempo e foi do aeroporto de Guarulhos direto para o CT da Barra Funda, onde fez um treino físico e teve uma conversa com a comissão técnica também argentina.

Calleri chegou após a atividade do elenco e, sozinho, fez exercícios físicos, corridas e piques, supervisionado pelo preparador físico Bruno Militano. Em seguida, foi conversando com os outros membros da comissão técnica. Primeiro foi o auxiliar Di Leo quem se aproximou para saber da situação do argentino. Depois, o técnico Edgardo Bauza foi ao contrato dos compatriotas. Os quatro conversaram no gramado do CT.

A preocupação da comissão técnica é por dois motivos. Primeiro, claro, pela preocupação com o emocional do jogador, que ficou muito abalado por receber a notícia da morte do amigo Sebastian Vladi, de apenas 23 anos, em um acidente de moto no último sábado. Depois, Bauza espera logo o retorno de seu centroavante por conta da má fase do substituto: Alan Kardec. O camisa 14 marcou apenas um gol em 29 jogos este ano, foi novamente mal contra o Furacão e deixou o campo vaiado e xingado pela torcida. Depois do jogo, admitiu que é a pior fase da carreira.

O São Paulo volta a campo na próxima quarta-feira, quando enfrentará o Vitória, às 19h30, no Morumbi. O time deve ter o retorno de seu artilheiro: Calleri marcou 12 gols neste ano. A equipe volta a treinar na manhã desta terça, às 9h, no CT.