Torcedor que caiu no Morumbi

Luiz Aguiar filmou a própria queda, mas depois ficou feliz com carinho dos jogadores (Foto: Marcio Porto)

Marcio Porto
12/05/2016
08:15
São Paulo (SP)

Luiz Fernando Aguiar, de 27 anos, estava entre os torcedores que caíram no fosso do Morumbi após o rompimento de uma grande, na última quarta-feira. Luiz filmou o momento do gol de Michel Bastos, a comemoração e a própria queda, que lhe rendeu ferimentos leves. O drama do analista de TI, no entanto, foi além do braço machucado. Ele temeu pela saúde da esposa e do futuro filho.

Depois do episódio e de ter sido medicado, sem maiores consequências, o são-paulino relatou ao LANCE! que sua esposa está grávida de oito meses e meio e, desesperada, o telefonou logo que viu a imagem do marido pela televisão. A tranquilidade teve de ser mútua.

- Ela me ligou desesperada perguntando se eu estava bem, que tinha visto na TV. E eu já fiquei louco porque pensei que ela poderia perder o bebê. Mas, graças a Deus, deu tudo certo e nada de mais grave aconteceu - contou o analista.

De fato, tudo ficou bem com Luiz. Passado o susto e o atendimento que ele elogiou no Morumbi, foi convidado pelo São Paulo a ficar na saída do vestiário, onde pôde ter contato com os atletas que derrotaram o Atlético-MG por 1 a 0. Nesse momento, Luiz era só sorrisos ao tirar fotos com Calleri, Kelvin, Michel Bastos, herói do jogo, e Lugano, de quem ganhou foto e um autógrafo na camisa.

Mas tanto a queda quanto a alegria de conhecer os ídolos de perto ficaram perto de nem acontecer. Isso porque o são-paulino por pouco não ficou fora da partida, sem conseguir comprar um dos mais de 60 mil ingressos que foram vendidos. Acabou sendo "premiado" com uma entrada para o camarote onde aconteceu a queda.

Morumbi - acidente
Local do acidente no Morumbi (Foto: Bruno Grossi)


- Eu participei de uma promoção, foi de última hora. Fiz um vídeo, enviei e logo me responderam com o ingresso. Eu nem viria ao jogo - disse, mencionando que particiou da promoção do Banco Santander, que possuia parte das entradas do camarote onde foi o episódio.

Luiz também deu sua versão sobre o que poderia ter ocasionado o rompimento das grades que separavam os torcedores do fosso.
- Eu estava filmando, aí veio o Michel Bastos comemorar, o Wesley e de repente cai quando se formou uma avalanche de torcedores, mais ou menos como faz na Arena do Grêmio - declarou.

Por sorte, Luiz saiu sem maiores problemas. Uma mulher saiu com o braço quebrado, um garoto com um corte profundo no rosto e um rapaz com dores no tórax. Eles estavam entre as 16 pessoas que receberam atendimento no estádio. Houve sete remoções.