Careca com jogadores do São Paulo e o Marco Aurélio Cunha.

Careca com Cueva, Marco Aurélio Cunha e Chavez em Campinas (Foto: reprodução/Twitter)

LANCE!
21/09/2016
17:23
São  Paulo (SP)

Se era de inspiração que o São Paulo precisava para bater o Juventude e avançar na Copa do Brasil, ela veio nesta quarta=feira, na véspera do confronto de volta das oitavas de final da competição nacional. Enquanto se deslocava para Caxias do Sul, local do embate desta quinta, a delegação tricolor se encontrou com o ex-atacante Careca, um dos maiores da história do clube.

Careca visitou os são-paulinos no aeroporto de Viracopos, em Campinas, onde mora há tempos. O São Paulo fez escala no interior e desembarcou na cidade gaúcha na tarde desta quarta, já concentrado para o confronto. O ex-atacante aproveitou a oportunidade para passar boas energias aos atletas de seu ex-clube.

O ex-centroavante, de 55 anos, é muito próximo a Marco Aurélio Cunha, diretor-executivo do São Paulo. Marco postou em sua conta no Twitter foto com Careca e os gringos Cueva e Chavez no aeroporto. O dirigente também disse que recebeu uma ligação de Raí, outro ídolo da torcida tricolor.

"Careca vem ao Aeroporto de Viracopos nos desejar sorte e apoiar .As coisas vão melhorar com todos torcendo. Raí acaba de ligar também. Vamos unir os pontos e ser o SPFC de sempre, de amigos e ídolos. Obrigado", escreveu Marco Aurélio.

O São Paulo precisa vencer por dois gols de diferença ou um desde que marque ao menos três gols no Juventude. Se devolver o 2 a 1 que sofreu na volta, a decisão será nos pênaltis. Precisa de gols, especialidade da dupla que fez contato com o time nesta quarta.

Careca jogou de 1983 a 1987 no São Paulo e marcou 115 gols em 191 partidas. Já Raí, entre três passagens, disputou 393 jogos e marcou 124 gols. O ex-centroavante conquistou o Paulista de 1985 e o Brasileiro do ano seguinte. Já o ex-meia ganhou o Paulista em 1989, 91, 92, 98 e 2000, o Brasileiro de 1991, a Libertadores em 92 e 93 e o Mundial em 92. Inspiração de sobra...