Marcio Porto
28/10/2017
20:41
São Paulo (SP)

Os jogadores do São Paulo não cansam de exaltar o apoio dos torcedores mesmo com o time na situação difícil no Campeonato Brasileiro. Após a vitória sobre o Santos neste sábado por 2 a 1 no Pacaembu, o grupo novamente se rendeu aos fanáticos e exaltou a festa feita antes da partida, ainda no CT da Barra Funda. Eles estavam impressionados com o que viram. 

O goleiro Sidão já ficou imaginando o que aconteceria caso o São Paulo estivesse disputando um título. Com a vitória, o time chegou a 40 pontos e ficou sete acima da zona do rebaixamento. Ele dedicou a vitória aos torcedores.

- Nunca vi nada parecido. Ainda mais na situação do time nesse ano. Comentei com os caras: imagina esse time numa final de um campeonato importante o que essa torcida tem capacidade de fazer? Estão de parabéns. Dedicada a eles essa vitória no clássico  - afirmou.

O meia Hernanes também disse nunca ter visto algo parecido, mas revelou um pouco de ansiedade. Ele estava com receio de a equipe não corresponder novamente, como fez em outras ocasiões diante de festa. Quando a torcida levou 18 mil pessoas a um treino no Morumbi, por exemplo, no dia seguinte o time não conseguiu o resultado, perdendo de 4 a 2 para o Palmeiras.

- Extraordinário o que a torcida tem feito nesse periodo. Uma coisa inédita, nunca tinha passado por isso, eles nos acompanhando. Eu estava um pouco apreensivo, porque toda vez que o torcedor teve manifestação além do que estávamos acostumado, não tínhamos conseguido corresponder. E hoje foi diferente - afirmou Hernanes, que avaliou a mudança de comportamento na torcida do São Paulo.

- Hoje foi espetacular. Não parou de cantar, desde no CT, antes do jogo. Achei que iam cansar, mas eles foram muito ousados. Parabéns - disse.

Autor do primeiro gol, com assistência de Hernanes, o atacante Marcos Guilherme também se rendeu à festa.

- Surreal. Nunca tinha visto isso. Nem em notícias nem ao vivo. Realmente mexeu com todos nós. Não poderíamos vir hoje e ter outro resultado que não fosse a vitória para presentear a torcida - afirmou.

Os torcedores do São Paulo se reuniram em frente ao CT da Barra Funda antes do jogo e escoltaram o ônibus do time até o Pacaembu, com muita festa. Uma estimativa da torcida baseada na quantidade de ônibus de fanáticos no local apontou cerca de 2 mil pessoas no evento.