Bruno Grossi e Marcio Porto
30/08/2016
16:17
São Paulo (SP)

Quando Rodrigo Caio e São Paulo começavam a pensar em mais alguns meses de relação, outro clube apareceu no caminho para contratar o zagueiro ainda nesta janela de transferências para a Europa. Os italianos do Napoli fizeram proposta inesperada pelo camisa 3, que se animou com a oportunidade. "Detalhes importantes" ainda impedem a venda de ser concretizada, de acordo com pessoas envolvidos na negociação. O blog "Ora Bolas" noticiou a oferta, confirmada pelo LANCE!

O Napoli tem menos de 48 horas para alinhar sua oferta com o que era esperado pelos paulistas, já que a janela termina no fim desta quarta-feira. Do lado do jogador, tudo está resolvido e as perspectivas de defender uma equipe que briga pelo topo no Campeonato Italiano e disputa a Liga dos Campeões são as melhores possíveis. O estafe do atleta confia em um acerto rápido.

O São Paulo avalia Rodrigo em 15 milhões de euros (R$ 54,2 milhões) e pretende receber, no mínimo, por 12 milhões de euros (R$ 43,3 milhões) pelos 80% dos direitos econômicos que detém. Os outros 20% são divididos igualmente entre o zagueiro e um empresário do início de sua carreira. Quem chegou mais perto dos valores até aqui foi o Hamburgo (ALE).

Rodrigo Caio tirou passaporte italiano na semana passada, justamente na cidade de Nápoles

No Morumbi o beque tem boa relação com a torcida, é titular e alcançou visibilidade para ser campeão olímpico e convocado para a Seleção Brasileira principal. O Hamburgo, que há anos não aparece com destaque na Alemanha e, muito menos, em torneios internacionais, não atraiu o jogador de 23 anos, que sonhava com uma transferência para o Sevilla (ESP).

A equipe que já havia contratado Paulo Henrique Ganso buscou Rodrigo a pedido do técnico Jorge Sampaoli, mas só chegaria perto dos R$ 43 milhões esperados pelo São Paulo com o pagamento de bônus por metas. O clube espanhol não deu sinais de que subiria a oferta e desapontou os dirigentes do Tricolor, o zagueiro e seus representantes.