William Correia
13/10/2017
18:07
São Paulo (SP)

O São Paulo pode ter quatro mudanças para enfrentar o Atlético-PR, neste sábado, no Pacaembu, sem ter feito nenhum trabalho tático desde a derrota para o Atlético-MG, na quarta-feira. Além de promover as voltas de Arboleda e Cueva, que estavam com suas seleções, Dorival Júnior corre o risco de buscar substitutos para Militão e Petros, poupados o treino desta sexta-feira por desgaste muscular e que farão testes no aquecimento para saber se jogam.

Ambos estão concentrados com o elenco, mas a comissão técnica ainda não tem garantias de que poderá escalá-los. A situação deles será definida minutos antes do jogo. Caso sejam vetados, as novidades na escalação tendem a ser Buffarini, já que o lateral-direito Bruno segue impedido de atuar por conta de dores na região cervical, e Jucilei.

No restante do time, o mais provável é que Arboleda retome sua vaga na posição de Bruno Alves, responsável por cometer o pênalti que sentenciou a derrota de quarta-feira, e Cueva atue no lugar de Jonanta Gomez, meio-campista que teve péssima atuação em Belo Horizonte.

Com isso, a provável escalação tem: Sidão; Militão (Buffarini), Arboleda, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Petros (Jucilei) e Hernanes; Marcos Guilherme, Cueva e Lucas Fernandes; Pratto. Mas nem essa nem qualquer outra formação foi trabalhada desde o jogo de quarta-feira.

Poupar os titulares de qualquer desgaste tem sido a tônica dos trabalhos desde quarta-feira. Na quinta, ainda em Belo Horizonte, eles ficaram no hotel enquanto reservas treinaram na Cidade do Galo. Nesta sexta-feira, já em São Paulo, a comissão técnica tinha programado um treino para se ambientar ao Pacaembu, mas mudou de ideia para usar a estrutura do CT da Barra Funda na recuperação dos atletas.

Na tarde desta sexta-feira, sob chuva, o que ocorreu no CT foi um trabalho leve, sem nenhuma atividade tática. Os jogadores ficaram trocando passes e variavam os exercícios: Hernanes corria, Pratto finalizava, Buffarini e Marcinho cruzavam, entre outros trabalhos. Tudo para se mexer, mas sem se desgastar demais.

Não foram a campo, além de Militão e Petros, o atacante Gilberto, que segue tratando de contratura na coxa esquerda, o lateral-direito Bruno, com dores cervicais, e o zagueiro Lugano, que sente desconforto na panturrilha direita. Todos serão desfalques, assim como os atacantes Brenner, que disputa o Mundial sub-17, e Morato e Wellington Nem, que operaram seus joelhos direitos e não jogam mais neste ano.

O São Paulo está na zona de rebaixamento do Brasileiro, em 17º lugar, com 31 pontos. O time inicia às 21h deste sábado, contra o Atlético-PR, uma sequência de cinco partidas como mandante no Pacaembu, já que o Morumbi receberá shows nas próximas semanas.

Confira a lista com os atletas relacionados:

Goleiros: Denis e Sidão
Laterais: Edimar, Buffarini e Junior Tavares
Zagueiros: Rodrigo Caio, Arboleda, Bruno Alves e Aderllan
Volantes: Petros, Éder Militão, Jucilei e Araruna
Meias: Maicosuel, Cueva, Hernanes, Thomaz, Shaylon, Lucas Fernandes e Jonatan Gomez
Atacantes: Lucas Pratto, Marcos Guilherme e Marcinho