Rogério Ceni na Independente

Ceni discursa ao lado de membros da Independente em festa (Crédito: Reprodução/Twitter)

LANCE!
29/11/2015
17:00
São Paulo (SP)

A Torcida Independente, maior organizada do São Paulo, afirma que vai "preservar" os zagueiros Lucão, 19 anos, e Rodrigo Caio, 22, após criticar duramente a dupla nos últimos jogos. A postura teria partido após o um pedido do goleiro e capitão Rogério Ceni feito no último sábado, durante festa da torcida, de acordo com publicação da organizada em seu Twitter.

Nas fotos da festa, publicadas neste domingo pela Independente, o capitão aparece discursando em meio a membros da organizada e recebendo uma placa em homenagem pela sua história no São Paulo. A torcida também exibiu uma camisa autografada pelo goleiro, com os dizeres: "Para conquistar o mundo é preciso atravessá-lo".

Ceni, que se aposentará no fim deste ano, é um dos únicos atletas poupados pela organizada nos protestos recentes e nas arquibancadas. Foi o único a ter o nome cantado no jogo de sábado, vitória por 3 a 2 sobre o Figueirense, no Morumbi. Já Lucão é quem mais sofre.


O zagueiro de 19 anos encabeça a lista dos que a torcida passou a perseguir. Houve vaias a cada toque dele ba bola, também endossadas pelos torcedores comuns. Ele deixou o campo chorando.

A Independente, em protestos após a derrota de 6 a 1 para o Corinthians, também atacou Reinaldo, Michel Bastos e Pato. O vice-presidente de futebol Ataíde Gil Guerreiro e o diretor-executivo Gustavo Oliveira também são alvos. A organizada xingou o ex-presidente Carlos Miguel Aidar no último protesto, mas manteve relação próxima com o dirigente durante todo seu mandato.