HOME - Despedida de Rogério Ceni no Morumbi - Lugano e Rogério Ceni (Foto: Mauricio Hummens/Fotoarena/LANCE!Press)

Ceni é recordista de jogos na Libertadores  (Foto: Mauricio Hummens/Fotoarena/LANCE!Press)

Bruno Grossi
01/01/2016
08:15
São Paulo (SP)

Se realmente acertar o retorno para o São Paulo em 2016, o zagueiro uruguaio Diego Lugano poderá perseguir importante marca pelo clube na história da Copa Libertadores da América. Na primeira passagem, o defensor disputou 29 partidas do torneio internacional, o que lhe rende a 11ª posição no ranking de atletas que mais atuaram pelo Tricolor na competição.

A princípio, Lugano teria dois jogos garantidos: os dois confrontos da fase preliminar contra o Cesar Vallejo (PER). O primeiro embate está marcado para o dia 3 de fevereiro, em Trujillo, no Peru, enquanto o compromisso de volta está agendado para o dia 10. Como o Morumbi passa por reformas intensas no gramado, o duelo deve ser realizado no Pacaembu. 

Caso o Tricolor passe pelos peruanos e garanta vaga no Grupo A da Libertadores, Lugano poderá disputar mais seis partidas: duas contra o River Plate (ARG), duas contra o The Strongest (BOL) e duas contra o Trujillanos (VEN). Assim, os números do zagueiro poderão subir para 37, suficiente para desbancar o volante Richarlyson da quarta colocação no ranking.

Depois, serão mais oito jogos de mata-mata possíveis para São Paulo e Lugano. Nas três edições de Libertadores em que participou pelo São Paulo, o uruguaio chegou, no mínimo, à fase semifinal - caiu para o Once Caldas (COL) em 2004, foi campeão em 2005 e vice em 2006. Em contrapartida, o beque é conhecido por lances mais bruscos e frequentes suspensões por cartão amarelo, algo inexistente no torneio internacional na década passada.

Em um cenário otimista com o Tricolor finalista, Lugano chegaria até a 45 jogos de Libertadores pelo clube. Chegar às quartas de final, no entanto, já será suficiente para que o ídolo assuma a segunda posição de são-paulinos com mais jogos na competição, que está com o agora corintiano Danilo. Já Rogério Ceni segue soberano na liderança com 90 exibições na Libertadores.

Veja o top 10 de atletas com mais jogos pelo São Paulo na Libertadores:

Rogério Ceni - 90 - recorde entre brasileiros
Danilo - 40
Fabão - 38
Richarlyson - 35
Miranda - 35
Júnior - 34
Cicinho - 33
Josué - 33
Souza - 31
Müller - 29