São Paulo x Grêmio - Brasileirão Série A - Rogério Ceni (Foto: Miguel Schincariol/LANCE!Press)

Goleiro são-paulino dará adeus ao Morumbi em jogo festivo no dia 11 (Foto: Miguel Schincariol/LANCE!Press)

Bruno Grossi e Marcio Porto
27/11/2015
07:05
São Paulo (SP)

A participação de Rogério Ceni na partida contra o Figueirense às 17h deste sábado, válida pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, está praticamente descartada. Assim, o LANCE! resolveu listar os últimos passos do goleiro-artilheiro do São Paulo no Morumbi, estádio onde não deve fazer mais nenhum jogo oficial antes de se aposentar.

A última aparição do Mito no gramado da casa são-paulina foi também a última derrota e o último clássico por lá. No dia 21 de outubro, os tricolores foram vencidos pelo rival Santos por 3 a 1 na primeira semifinal da Copa do Brasil, com gols de Gabriel, Ricardo Oliveira e Marquinhos Gabriel, o último a vazar o arqueiro em casa, sob forte tempestade e diante de 26.434 torcedores.

Três dias antes, em 18 de outubro, Ceni obteve seu último empate no estádio: na 31ª rodada do Brasileirão, o São Paulo ficou no 2 a 2 com o Vasco da Gama. Já a última vitória foi em 3 de outubro, quando o Tricolor bateu o Atlético-PR por 1 a 0, gol do atacante Rogério, na despedida do técnico Juan Carlos Osorio.

O treinador colombiano também esteve presente na partida em que o capitão são-paulino marcou seu último gol de pênalti no Morumbi. Em 6 de junho, Osorio estreava em vitória por 2 a 0 sobre o Grêmio, aberta por Luis Fabiano e concluída por Ceni. A vítima foi o goleiro Tiago, reserva de Marcelo Grohe.


Na mesma semana, Rogério havia recebido aquele que seria seu último cartão amarelo no estádio. Por reclamação, o camisa 01 foi punido pelo árbitro Thiago Duarte Peixoto e falhou em um dos gols do Santos. No segundo tempo, no entanto, o Mito marcou de pênalti já nos acréscimos e venceu seu último clássico em sua casa, então com 13.847 torcedores.

Por fim, chegamos ao último gol de falta anotado pelo maior goleiro-artilheiro do mundo no Morumbi. No dia 11 de abril, o São Paulo eliminou o Red Bull Brasil nas quartas de final do Campeonato Paulista com um 3 a 0. Alexandre Pato e Paulo Henrique Ganso marcaram no segundo tempo, mas o triunfo começou a ser construído pelo Mito em chute por fora da barreira e no canto do goleiro rival, Juninho.


É preciso voltar ainda mais no tempo para relembrar o último título vencido por Rogério Ceni no Morumbi. Em 12 de dezembro de 2012, o capitão ergueu com o jovem Lucas a taça da Copa Sul-Americana e fechou o ciclo de conquistas iniciado em 1993, na Copa Libertadores da América e no Mundial de Clubes, ainda como um reserva.