Copinha São Paulo x Paulista

Jogadores do São Paulo festejam gol na estreia na Copinha (Marcos Bezerra/Futura Press)

LANCE!
03/01/2016
15:48
São Paulo (SP)

O São Paulo largou bem na 47ª edição da Copa São Paulo de Juniores. Diante de bom público na Arena Barueri, os garotos do time de André Jardine não tiveram dificuldades para bater o Paulista de Jundiaí por 4 a 0 e já abrir três pontos na tabela do Grupo 17. O grande nome da partida foi o meia Lucas Fernandes, autor de dois gols no triunfo sobre os jundiaienses.

Esta é a terceira Copinha da carreira de Lucas, que tem apenas 18 anos. A diferença é que desta vez recaiu sobre o armador a responsabilidade de vestir a camisa 10 do clube, que no título de 2010 na competição foi usada pelo xará Lucas, hoje no Paris Saint-Germain. A nova promessa não sentiu a pressão e teve papel fundamental para a estreia em grande estilo dos tricolores.

Logo no primeiro minuto de jogo, no entanto, o protagonismo coube a David Neres, maior esperança do time sub-20 são-paulino. O atacante, que não se considera pronto para subir à equipe profissional, fez fila na defesa do Paulista e soltou o pé esquerdo para abrir o placar. Depois, a tarde em Barueri foi dominada pela dinâmica de Lucas Fernandes.

Aos cinco minutos, o meia carregou a bola na intermediária e resolveu arriscar. O destro usou o pé esquerdo para finalizar, como ensinou seu pai na infância e como aprendeu observando o ídolo Hernanes, hoje na Juventus (ITA). A bola veloz foi indefensável para o goleiro Gabriel, que ficaria novamente sem reação dez minutos mais tarde, quando Lucas Fernandes resolveu usar o pé direito, com jeito, para anotar o terceiro do São Paulo na partida.

Copinha São Paulo x Paulista
Joanderson em ação (foto:Marcos Bezerra/Futura Press)

Com toque de bola envolvente, o time de André Jardine seguiu criando boas chances e levantando a torcida com jogadas bem trabalhadas. A luta passou a ser para que o centroavante Joanderson também deixasse sua marca e, assim, duas mudanças deixaram o time mais ofensivo no segundo tempo. Os volantes Matheus Queiroz e Banguelê saíram para o marcador Jeferson e o atacante Luiz Araújo entrarem. As chances continuaram a aparecer, mas o placar só foi ampliado aos 43 minutos, em chute de Foguete e frango de Gabriel, quando Lucas já havia sido substituído por Shaylon.

As únicas ameaças do Paulista foram em chutes de fora da área e não evitaram mais uma vitória do time sub-20 do São Paulo, em busca do título que falta na temporada da categoria - faturou a Copa Ouro, a Copa do Brasil e a Copa Ipiranga. Audax (SP) e Tiradentes (CE) fazem também neste domingo o outro jogo do Grupo 17 na rodada. Já na terça-feira, às 21h e de novo em Barueri, os cearenses encaram os são-paulinos. Mais cedo, às 19, o Audax pega o Paulista.