Coritiba x São Paulo

Rogério marcou três gols nesta temporada, mesmo sendo reserva (Foto: Guilherme Artigas/Lancepress!)

Bruno Grossi
14/06/2016
12:29
São Paulo (SP)

Único dirigente à frente do futebol do São Paulo, o diretor-executivo Gustavo Oliveira descartou qualquer hipótese de negociar Rogério com o Sport. No último fim de semana, foi o próprio atacante quem pediu para ser liberado para um acerto com o Leão da Ilha do Retiro, mas os tricolores bateram o pé para mantê-lo no elenco de Edgardo Bauza.

O anúncio de Gustavo foi feito logo após o treino desta terça-feira, no CT da Barra Funda, em conversa com os jornalistas que acompanhavam a atividade. O cartola assegurou que Rogério faz parte dos planos de Patón, mesmo como reserva utilizado sem muita frequência - atuou em 18 partidas, marcou três gols, mas em somente 481 minutos.

A resistência do São Paulo em liberar Rogério vem sendo manifestada desde a última segunda-feira, quando o clube já indicava que o negócio com o Sport não se concretizaria. Já o empresário Igor Albuquerque não tem se pronunciado sobre a situação do atleta, que tem contrato com o Tricolor Paulista até 1º de setembro de 2018.

Atualmente, Rogério briga com Lucas Fernandes e Ytalo para ser o reserva imediato de Paulo Henrique Ganso. O atacante custou a aceitar e entender qual deveria ser sua função ao substituir o Maestro e acabou ultrapassado pelos concorrentes. Com a chegada do peruano Christian Cueva, que pode jogar aberto pela esquerda ou centralizado, Rogério deve perder mais espaço.