Sob chuva, elenco do São Paulo se reapresentou nesta terça-feira (foto: Olga Bagatini)

Sob chuva, elenco do São Paulo se reapresentou nesta terça-feira (foto: Olga Bagatini)

Olga Bagatini
25/10/2016
17:53
São Paulo (SP)

Após dois dias de descanso, o elenco do São Paulo se reapresentou nesta terça-feira no CT da Barra Funda. A vitória sobre a Ponte Preta no sábado - que fez o Tricolor abrir sete pontos de distância da zona de rebaixamento - levou a diretoria e a comissão técnica a ampliarem a folga dos jogadores. Os zagueiros Maicon e Lugano e o lateral Buffarini, suspensos contra a Macaca, participaram normalmente da atividade. 

Sob uma garoa incessante, o técnico Ricardo Gomes fez uma atividade intensa para seus jogadores. Ele dividiu o campo em quatro circuitos. Separados em grupos, todos os atletas se revezaram em todas as atividades. 

A primeira consistiu em um trabalho físico de corrida. A segunda, um treino técnico orientado pelo auxiliar Pintado. A terceira, um trabalho de reforço muscular. Os atletas fechavam o circuito em um coletivo em campo reduzido apitado pelo próprio treinador, que deu diversas instruções para o grupo.

Denis foi a principal ausência. O goleiro sofreu uma queda no jogo contra a Ponte, sentiu dores no ombro e permaneceu no Reffis. Ele só deve voltar a treinar com bola a partir de quinta-feira. Carlinhos, Bruno e Hudson também seguem em tratamento e desfalcaram o treino. Já Michel Bastos, fora dos planos do clube para a próxima temporada, treinou normalmente.

Já o zagueiro Breno deu mais um passo em sua recuperação de uma cirurgia no joelho esquerdo. No treino desta terça, ele treinou pela primeira vez com bola, supervisionado pelo fisioterapeuta Betinho.  Ele operou o joelho em maio e só volta a jogar em 2017.

O elenco do São Paulo se reapresentará na quarta-feira, às 9h30 (de Brasília). O próximo compromisso do time será apenas na próxima segunda (31), contra o América-MG, no estádio Independência, pela 33ª rodada do Brasileirão. Atualmente, o São Paulo ocupa a 11ª posição, com 42 pontos - sete a mais que o Vitória, primeiro time na zona de rebaixamento.