Diego Souza (Foto: MARLON COSTA/FUTURA PRESS)

Diego Souza está no Sport (Foto: MARLON COSTA/FUTURA PRESS)

Marcio Porto
10/11/2015
07:05
São Paulo (SP)

O São Paulo pensa no meia Diego Souza para reforçar o time em 2016. Em busca de um jogador para dividir a responsabilidade com Ganso e ao mesmo tempo fazer frente ao camisa 10, a diretoria vê o perfil no atual jogador do Sport e monitora sua situação.

Diego Souza está emprestado até o fim do ano pelo Metalist (UCR), com o qual tem contrato até meados de 2017. A tendência é que os ucranianos só topem liberá-lo em definitivo, portanto com a necessidade de investimento.

É este o principal obstáculo do São Paulo. Em crise financeira, os dirigentes têm em mente que não poderão gastar na janela de transferências, mesmo porque não há de onde tirar muito recurso. Ainda assim, fizeram uma consulta ao empresário do atleta, Eduardo Uram.

A diretoria sabe que enfrentará concorrência, pois Diego também está na pauta do Palmeiras, entre outros. O Alviverde, porém, ainda não negocia com o jogador, embora já tenha demonstrado interesse.

Diego Souza é um sonho antigo do São Paulo, desde que, em 2007, ajudou a eliminar o clube da Libertadores, atuando pelo Grêmio. O meia foi o principal jogador do time gaúcho que eliminou o Tricolor paulista nas oitavas de final e chegou à final da competição, perdendo o título para o Boca Juniors (ARG).

O meia está com 30 anos e ainda luta para levar o Sport à Libertadores. A equipe pernambucana está em 7 no Brasileiro, com 52 pontos, um a menos do que o São Paulo.