HOME - São Paulo x Novorizontino - Campeonato Paulista - Michel Bastos (Foto: Alan Morici/LANCE!Press)

Michel marcou de pênalti e abriu caminho para a vitória são-paulina (Foto: Alan Morici/LANCE!Press)

LANCE!
24/02/2016
22:24
São Paulo (SP)

O apitaço de 90 minutos da torcida organizada do São Paulo, dirigido única e exclusivamente a Michel Bastos, não incomodou o técnico Edgardo Bauza que, em coletiva relâmpago, garantiu que o importante é o futebol do camisa 7 dentro de campo. Patón também afirmou que Denis é, de fato, o novo capitão do Tricolor, depois da vitória por 2 a 0 sobre o Novorizontino, nesta quarta-feira, no Pacaembu. 


- Preferi dar a faixa de capitão ao Denis e já expliquei outro dia que tem que ser titular, como na partida anterior Michel não estava, não quis mudar agora e ele vai permanecer como capitão. Não é um tema importante para mim. O elenco tem uns cinco ou seis líderes e qualquer um pode ser, isso não me preocupa - disse, para logo completar:

- Quanto à torcida, tampouco me importa. Ela responde ao que sente e temos que respeitar. O atleta e eu temos que tratar de fazer o melhor e ganhar para que a torcida fique contente e possa desfrutar. Depois, são reações normais que não fazem mal a ninguém. 

Os questionamentos sobre Michel Bastos não pararam por aí, e Bauza, novamente, citou o quanto o jogador pode colaborar dentro de campo, bem como fez na partida desta quarta-feira, contra o Novorizontino. 

- Michel jogou essa partida porque o vi bem nos treinamentos, então decidi colocá-lo. O trabalho que ele fez hoje é o que ele sabe fazer, jogando pela esquerda pelo corredor, ajudando defensivamente a equipe. E ajudando permanente a manutenção da bola e, para mim, isso é essencial - completou Patón.