Bruno - São Paulo

Lateral-direito Bruno em treino do São Paulo (Foto: Érico Leonan/www.saopaulofc.net)

Marcio Porto
22/03/2016
12:00
São Paulo (SP)

O técnico Edgardo Bauza, como de costume, fará alterações no time do São Paulo que enfrenta o Botafogo, nesta quarta-feira, pelo Campeonato Paulista. Mas as mudanças vão além de opções técnicas. Com dez desfalques, entre machucados, suspensos e jogadores na seleção, o argentino inovou em posições e no esquema. Será a primeira vez no ano que ele abandonará o 4-2-3-1 e a grande novidade é o lateral-direito Bruno escalado na lateral-esquerda.

O treino desta terça-feira, que definiu o time, foi fechado, mas Bauza divulgou a escalação via assessoria de imprensa, com o adendo do posicionamento dos atletas. Será um 4-3-2-1 com: Denis, Caramelo, Lugano, Maicon e Bruno; João Schmidt, Hudson e Carlinhos; Daniel e Ganso; Calleri. Dessa forma, haverá três volantes, com Schmidt centralizado, Hudson pela direita, Carlinhos, pela esquerda, e dois armadores: Daniel e Ganso.

Os desfalques para o duelo no Pacaembu, às 21h45, são os seguintes. Machucados: Renan Ribeiro, Breno, Michel Bastos, Wesley, Rogério e Wilder. Suspenso: Thiago Mendes, além de Rodrigo Caio, servindo à seleção olímpica, Mena, à chilena, e Lyanco, à seleção olímpica da Sérvia.

Dos machucados, Michel Bastos treinou com bola nesta terça-feira, mas ainda não deve ter condições de jogo. Ele se recupera de um estiramento muscular na coxa direita que o afastou das duas últimas partidas.

O São Paulo é o vice-líder do grupo C, com 14 pontos, dois a menos do que o líder Audax. A Ferroviária, terceira colodada, tem 13 pontos. O Tricolor não vence há cinco jogos e por isso um triunfo nesta quarta é considerado fundamental, até porque no próximo domingo a equipe terá o clássico contra o Santos, na Vila Belmiro.