LANCE!
15/05/2016
13:56
São Paulo (SP)

O técnico Edgardo Bauza saiu muito satisfeito com a vitória do São Paulo por 1 a 0 sobre o Botafogo, neste domingo, em Volta Redonda, pela estreia no Campeonato Brasileiro. O argentino elogiou o comportamento da equipe, formada em sua totalidade por jogadores reservas. E destacou a importância dos três pontos para a sequência da competição.

- A equipe foi o destaque. O Kardec não parou no fim, correndo. E quem entrou também, uma entrega. Correram muito, contra uma equipe que tentou por todos os lados, seria injusto eu escolher um jogador, a equipe fez um esforço muito grande - afirmou o argentino, em entrevista coletiva.


- Foram três pontos muito bons, vamos falar dos três pontos bastante quando se passarem muitas rodadas. É um time que trabalhamos três dias apenas, estou muito satisfeito com isso - completou.

Um fator, porém, incomodou o treinador argentino, em seu primeiro Campeonato Brasileiro: a arbitragem. Patón ficou na bronca com a assistente Neuza Inês Back, que anulou um gol legítimo de Centurión alegando impedimento, e com os critérios do árbitro Bráulio da Silva Machado.

- O gol anulado não culpo o árbitro, culpo o assistente. Depois o árbitro pareceu que não utilizou o mesmo critério, duas ou três faltas, não era o mesmo. Tinha que melhorar isso e não fez - analisou Bauza.

O São Paulo agora volta suas atenções para o duelo contra o Atlético-MG, pelas quartas de final da Libertadores, na quarta que vem, em Belo Horizonte. O time venceu o primeiro jogo por 1 a 0 e agora tem a vantagem no Horto. No Brasileiro, volta a campo no próximo domingo, às 16h, contra o Internacional, no Morumbi.