Michael Beale - Liverpool FC

Beale era técnico da equipe sub-23 do Liverpool há quatro anos e meio (Foto: Divulgação)

LANCE!
07/12/2016
15:21
São Paulo (SP)

Contratado pelo São Paulo para ser o auxiliar direto de Rogério Ceni, o inglês Michael Beale se despediu do Liverpool (ING) na noite da última terça-feira. O profissional usou sua conta no Instagram para enviar mensagem de agradecimento aos Reds e para se apresentar aos torcedores do Tricolor. Aos 36 anos, ele viajará ao Brasil sozinho, sem a esposa e os dois filhos.

"Agora uma mensagem pros fãs do São Paulo. Obrigado pelas mensagens e grande apoio. Em janeiro de 2017 serei um de vocês e estaremos lutando juntos para o São Paulo. Mandem para o Rogério e para os jogadores o vosso apoio e trabalharemos a 110% para fazer vocês felizes", disse o auxiliar.

Beale também concedeu entrevista ao jornal Liverpool Echo e chamou de "fantástica" a experiência de trabalhar no futebol brasileiro ao lado de Rogério Ceni, que será apresentado nesta quinta-feira pelo São Paulo. No clube inglês, Beale era técnico da equipe sub-23 e acredita que seus compatriotas deveriam investir em carreiras no Brasil.

- Foi realmente uma decisão difícil e penso que mais treinadores ingleses devem fazer o mesmo. Creio que sou o primeiro inglês a trabalhar no Brasil. Isso é uma grande coisa. Tinha que ser muito especial. Eles (São Paulo) são obviamente um grande clube. Eu encontrei Rogério quando visitou a Inglaterra em setembro. Ele passou um dia no Liverpool, assistiu ao meu treino. Ele é uma grande lenda lá, como Gerrard e Giggs por aqui - comparou, citando ídolos de Liverpool e Manchester United, respectivamente.

Confira a tradução da mensagem de Beale para o Liverpool:

"Que incríveis quatro anos e meio com o Liverpool. Foi o melhor período de minha vida. As pessoas da cidade são as mais gentis e com os corações mais quentes que conheci. O trabalho foi como um sonho transformado em realidade e o clube era tudo o que eu sempre imaginei.

Eu tratado tão bem por toda diretoria, jogadores e torcedores! Por isso, tudo o que posso dizer é um enorme obrigado a vocês.

Meus dois filhos nasceram e cresceram nessa cidade maravilhosa e ambos são torcedores do Liverpool. E nós continuaremos com Liverpool como nossa casa. Agradeço mais uma vez a todos que me enviaram mensagens de apoio. Vejo vocês depois!".