icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/08/2015
21:50

Desta vez, o São Paulo não deu brechas ao Ceará e está classificado para as quartas de final da Copa do Brasil. A reação, com vitória por 3 a 0 no Castelão, foi sacramentada quando Thiago Mendes, em um belo chute de fora área, fez o segundo gol, chegando ao placar que já seria suficiente ao Tricolor. O volante foi o melhor em campo em noite que o time teve também outros destaques contra um fraco adversário. Confira as notas do LANCE!:

E MAIS:
> Ceni e Pato marcam, São Paulo goleia Ceará e avança na Copa do Brasil
> Veja lance a lance como foi o jogo

 

 

SÃO PAULO

7,0
Rogério Ceni
Quando foi exigido, correspondeu e evitou que a equipe levasse gols. Cobrou o pênalti e abriu o placar para o Tricolor.

6,0
Bruno
Confundiu-se um pouco com Carlinhos aberto à sua frente, mas foi bem ao fundo e deu assistência para o gol de Pato.

6,5
Rodrigo Caio
Teve pouquíssimo trabalho atrás, mas quando foi acionado, desarmou bem e ainda teve tranquilidade para sair jogando.

6,5
Luiz Eduardo
Deu um carrinho cirúrgico pela esquerda no início do jogo e ganhou confiança. Apareceu também no ataque cabeceando.

5,0
Reinaldo
Além de não acertar nem sequer um cruzamento, posiciona-se mal e comete faltas completamente desnecessárias.

7,5
Thiago Mendes
Combateu com grande eficiência o meio de campo adversário, e ainda marcou um lindo gol de fora da área.

5,5
Michel Bastos
Escalado como meia, também esteve longe do que vinha jogando no começo do ano. Erros bobos.

6,0
PH Ganso
Começou ligado, dando passes rápidos e confundindo a marcação. Depois, ficou preso entre os volantes e pouco fez.

7,0
Carlinhos
Aberto pela ponta direita, foi um grande achado de Osorio. Correu muito e ainda sofreu o pênalti convertido por Rogerio.

7,0
Alexandre Pato
Apanhou violentamente o jogo inteiro. Ainda deixou sua marca e garantiu a classificação do São Paulo.

5,0
Wilder
Centralizado e sendo obrigado a brigar com os zagueiros, não conseguiu jogar. Quando teve a bola, errou tudo que tentou.

6,5
Hudson
Diferentemente dos últimos jogos, entrou bem e fechou os espaços no meio de campo. Ganhou todos os botes.

5,5
Wesley
Parece alheio às necessidades da equipe e pouco se movimenta. Falta objetividade quando tem a bola nos pés.

6,0
Matheus Reis
Apesar de garoto, demonstra muito mais maturidade que Reinaldo. Interceptou bem as subidas do ataque adversário.

6,5
Téc: Juan Carlos Osorio
Escalou uma equipe com poucos testes. Jogadores corresponderam e tiveram o domínio do começo ao fim.


 

 

CEARÁ

6,0
Luís Carlos
Não teve culpa nos gols. Fez uma defesa difícil.

3,5
Wellington Carvalho
Deu carrinho desnecessário e foi expulso.

6,0
Charles
Afastou quase todas as bolas cruzadas na área e desarmou bem.

4,5
Gilvan
Mostrou-se perdido na zaga.

5,5
Tiago Cametá
Teve vontade, mas mostrou deficiência ofensiva e defensiva.

4,5
Carlão
Entrou para bater nos jogadores do São Paulo.

6,0
João Marcos
Tentou organizar o jogo e deu bons passes.

5,0
Wescley
No lance de mais perigo, embananou-se fácil com a bola. Só cisca.

5,5
Sanchez
Tentou criar jogadas pela lateral do campo, mas não deu em nada.

6,5
Fabinho
O melhor do Ceará. Jogou bem e quase marcou um gol de falta.

6,0
Siloé
Supriu a técnica ruim com muita correria e vontade.

4,5
Sandro
Entrou e não mudou nada.

5,0
Rafael Costa
Esteve longe de ser decisivo como no primeiro jogo.

5,0
Julio Cesar
Recebeu uma boa bola na ponta, mas não conseguiu fazer nada com ela.

5,0
Téc: Marcelo Cabo
Retranqueiro, não soube escalar o time para garantir a classificação.

Desta vez, o São Paulo não deu brechas ao Ceará e está classificado para as quartas de final da Copa do Brasil. A reação, com vitória por 3 a 0 no Castelão, foi sacramentada quando Thiago Mendes, em um belo chute de fora área, fez o segundo gol, chegando ao placar que já seria suficiente ao Tricolor. O volante foi o melhor em campo em noite que o time teve também outros destaques contra um fraco adversário. Confira as notas do LANCE!:

E MAIS:
> Ceni e Pato marcam, São Paulo goleia Ceará e avança na Copa do Brasil
> Veja lance a lance como foi o jogo

 

 

SÃO PAULO

7,0
Rogério Ceni
Quando foi exigido, correspondeu e evitou que a equipe levasse gols. Cobrou o pênalti e abriu o placar para o Tricolor.

6,0
Bruno
Confundiu-se um pouco com Carlinhos aberto à sua frente, mas foi bem ao fundo e deu assistência para o gol de Pato.

6,5
Rodrigo Caio
Teve pouquíssimo trabalho atrás, mas quando foi acionado, desarmou bem e ainda teve tranquilidade para sair jogando.

6,5
Luiz Eduardo
Deu um carrinho cirúrgico pela esquerda no início do jogo e ganhou confiança. Apareceu também no ataque cabeceando.

5,0
Reinaldo
Além de não acertar nem sequer um cruzamento, posiciona-se mal e comete faltas completamente desnecessárias.

7,5
Thiago Mendes
Combateu com grande eficiência o meio de campo adversário, e ainda marcou um lindo gol de fora da área.

5,5
Michel Bastos
Escalado como meia, também esteve longe do que vinha jogando no começo do ano. Erros bobos.

6,0
PH Ganso
Começou ligado, dando passes rápidos e confundindo a marcação. Depois, ficou preso entre os volantes e pouco fez.

7,0
Carlinhos
Aberto pela ponta direita, foi um grande achado de Osorio. Correu muito e ainda sofreu o pênalti convertido por Rogerio.

7,0
Alexandre Pato
Apanhou violentamente o jogo inteiro. Ainda deixou sua marca e garantiu a classificação do São Paulo.

5,0
Wilder
Centralizado e sendo obrigado a brigar com os zagueiros, não conseguiu jogar. Quando teve a bola, errou tudo que tentou.

6,5
Hudson
Diferentemente dos últimos jogos, entrou bem e fechou os espaços no meio de campo. Ganhou todos os botes.

5,5
Wesley
Parece alheio às necessidades da equipe e pouco se movimenta. Falta objetividade quando tem a bola nos pés.

6,0
Matheus Reis
Apesar de garoto, demonstra muito mais maturidade que Reinaldo. Interceptou bem as subidas do ataque adversário.

6,5
Téc: Juan Carlos Osorio
Escalou uma equipe com poucos testes. Jogadores corresponderam e tiveram o domínio do começo ao fim.


 

 

CEARÁ

6,0
Luís Carlos
Não teve culpa nos gols. Fez uma defesa difícil.

3,5
Wellington Carvalho
Deu carrinho desnecessário e foi expulso.

6,0
Charles
Afastou quase todas as bolas cruzadas na área e desarmou bem.

4,5
Gilvan
Mostrou-se perdido na zaga.

5,5
Tiago Cametá
Teve vontade, mas mostrou deficiência ofensiva e defensiva.

4,5
Carlão
Entrou para bater nos jogadores do São Paulo.

6,0
João Marcos
Tentou organizar o jogo e deu bons passes.

5,0
Wescley
No lance de mais perigo, embananou-se fácil com a bola. Só cisca.

5,5
Sanchez
Tentou criar jogadas pela lateral do campo, mas não deu em nada.

6,5
Fabinho
O melhor do Ceará. Jogou bem e quase marcou um gol de falta.

6,0
Siloé
Supriu a técnica ruim com muita correria e vontade.

4,5
Sandro
Entrou e não mudou nada.

5,0
Rafael Costa
Esteve longe de ser decisivo como no primeiro jogo.

5,0
Julio Cesar
Recebeu uma boa bola na ponta, mas não conseguiu fazer nada com ela.

5,0
Téc: Marcelo Cabo
Retranqueiro, não soube escalar o time para garantir a classificação.