Ana Canhedo e Guilherme Amaro
06/04/2016
00:02
São Paulo (SP)

Sem trabalho nenhum. O São Paulo resolveu rápido a partida no Morumbi e terminou com goleada por 6 a 0 sobre o Trujillanos (VEN), pela Libertadores. Calleri fez quatro e foi o melhor, junto com Ganso. Confira as notas:

SÃO PAULO

6,5
Denis

Foi poucas vezes acionado pelo ataque rival. Quando precisou trabalhar, correspondeu. Partida tranquila.

6,5
Bruno

Um pouco afobado em alguns lances, mas teve boas chegadas à frente e ajudou. Atrás, pouco exigido.

5,5
Maicon

Não teve trabalho no primeiro tempo. No segundo, se complicou em alguns lances fáceis e levou amarelo.

6,5
Rodrigo Caio

Teve uma pequena falha no primeiro tempo, mas não comprometeu. Não foi muito exigido atrás.

7,0
Mena

Boa partida. Ajudou o ataque a participou diretamente do terceiro gol, deixando a bola passar. Ajudou muito à frente.

7,5
Hudson

Arriscou alguns chutes a gol, se projetou ao ataque e mostrou segurança na defesa. Boa partida do volante.

7,5
João Schmidt

Marcou um belo gol e mostrou segurança em campo. Em sintonia com Hudson, foi muito importante para o time.

7,0
Kelvin

Cumpriu bem seu papel pela direita. Correu, driblou e ainda marcou um gol. Mostrou ser boa opção pelas pontas.

8,0
PH Ganso

Ajudou na marcação, deu assistências, se movimentou, driblou e correu. Cérebro do time. Excelente partida.

7,5
Michel Bastos

Deu alguns passes importantes. Raçudo, empurrou o São Paulo para a frente pela esquerda do ataque.

8,5
Calleri

Marcou quatro gols, um em rebote de pênalti perdido por ele mesmo. Peça fundamental. Partida excepcional.

7,0
Lucão

Entrou para ganhar confiança e ficar em paz com a torcida. Cumpriu bem seu papel. Serviu Calleri no quarto gol dele.

7,0
Thiago Mendes

Precisava mostrar serviço e logo de cara teve bela arrancada e bateu para o gol. Foi bem, manteve o nível do time.

6,5
Lucas Fernandes

Garoto não teve nenhum lance brilhante, mas também não comprometeu. Boa opção para o ataque tricolor.

7,5
Téc: Edgardo Bauza

Foi muito bem ao optar por João Schmidt e Kelvin entre os titulares. Acertou nas alterações também.

Libertadores - São Paulo x Trujillanos (foto:Mauro Horita/LANCE!Press)
Torcida fez festa antes do jogo (foto:Mauro Horita/LANCE!Press)

TRUJILLANOS (VEN)

4,0
Perez

Não foi o maior culpado pela goleada. Fez um pênalti e defendeu.

3,0
Granados

São Paulo chegou com muita facilidade pelo seu setor.

3,0
Erazo

Deixou Calleri livre no primeiro gol. Totalmente perdido.

3,0
Castillo

Outro que não conseguiu achar os adversários e cometeu pênalti.

3,5
Paez

Deixou Kelvin sozinho no segundo gol e também sofreu.

4,5
Cova

Irrelevante no meio de campo.

4,5
Mendoza

Ficou perdido no meio de campo e não voltou para a etapa final.

5,0
Sosa

Até que tentou criar, mas foi desarmado com facilidade.

5,0
Gonzalez

Não conseguiu criar e também nem voltou para o segundo tempo.

6,0
Cabezas

Tentou movimentar-se para abrir espaços e sofreu faltas.

6,0
Rojas

Buscou as jogadas individuais e também foi parado com faltas.

4,5
Osorio

Entrou no segundo tempo e não acrescentou. Pouco participativo.

5,0
Nieves

Apareceu pelo lado, mas errou cruzamentos e perdeu bolas.

5,0
Contreras

Jogou mais de 20 minutos e praticamente não pegou na bola.

4,5
Téc: Horacio Matuszyczk

Trujillanos mostrou fragilidade e não conseguiu conter o São Paulo. Substituições sem efeito.