Ganso e Lugano - São Paulo

Ganso posa com Lugano e Milton Cruz durante café da manhã no CT nesta quarta (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Bruno Grossi
13/01/2016
11:48
São Paulo (SP)

Se está perto de anunciar o terceiro reforço da temporada com a chegada de Kieza, o São Paulo também trabalha para manter a maior estrela do elenco em 2016. O clube paulista promete, em breve, começar a articular a renovação com o meia Paulo Henrique Ganso, que na semana passada teve a situação sondada pelos chineses do Hebei China Fortune.

A diretoria do Tricolor diz que não foi procurada por nenhum clube para negociar o camisa 10, que tem contrato até setembro de 2017 no Morumbi. Já o estafe do atleta chegou a admitir a sondagem chinesa, mas agora diz que o assunto compete apenas aos cartolas são-paulinos. E se depender do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Maestro ficará no São Paulo, onde já fez 189 partidas, 17 gols e 40 assistências.

- Não recebemos nenhuma proposta, mas queremos que ele fique. Gosto muito dele. Se me perguntarem se quero que fique, eu respondo que o São Paulo quer que ele fique. Tem todo o interesse. Estamos resolvendo isso (da renovação) - explicou Leco, em papo no CT da Barra Funda.

O empresário do meia, Giuseppe Dioguardi, diz que ainda não foi procurado para iniciar o processo de renovação, mas que a vontade de Ganso é realmente permanecer no Morumbi. Para evitar problemas com possíveis concorrentes, o São Paulo precisa renovar com o Maestro até março do próximo ano, data-limite para o jogador ficar livre pra assinar pré-contratos.

- Ninguém ainda nos procurou para tratar da renovação, mas vamos sentar, sim. O Paulo quer ficar, está feliz no clube. Mas vamos ver, não fui procurado até o momento - resumiu Dioguardi, em rápido contato telefônico.