Campeonato Brasileiro - Vasco x Santos (foto:Paulo Sergio/LANCE!Press)

Vanderlei sobe na área para afastar o perigo (foto:Paulo Sergio/LANCE!Press)

LANCE!
29/11/2015
20:54
Santos (SP)

O Santos deu adeus ao Brasileirão. Com a derrota deste domingo para o Vasco, em São Januário, o time caiu para a 7ª posição e não tem mais chance de chegar ao G4 e, consequentemente, se classificar para a Copa Libertadores do ano que vem através deste torneio.

Desta forma, a única chance de se garantir na competição Sul-Americana é vencendo a Copa do Brasil, na quarta-feira, contra o Palmeiras, no Allianz Parque. O Alvinegro tem vantagem no jogo decisivo após vencer por 1 a 0, semana passada.

O goleiro Vanderlei, único titular que jogou neste domingo, reforçou que o foco está totalmente voltado para o clássico de quarta-feira.

- Tem de lamentar, porque faltou entrosamento, mas nos apresentamos bem. Ficamos tristes pelo resultado e por não ter mais chance de G4. Agora, o foco é na Copa do Brasil. Temos grandes chances de sermos campeões na quarta. Esse é o foco agora - disse o camisa 1, um dos líderes do elenco santista.


O gol que culminou na derrota do Peixe para o Cruz-Maltino, aliás, foi motivo de polêmica para o arqueiro. Em um carrinho de Vanderlei em Nenê, o árbitro Leandro Vuaden marcou penalidade convertida pelo mesmo Nenê. Entretanto, o camisa 1 santista alega que nem sequer encostou no adversário.

- Todo mundo viu, o Nenê fez um malabarismo - lamentou.

O técnico Dorival Júnior assumiu o Santos, em setembro, na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e conseguiu levar o time até a 4ª colocação, na qual ficou até duas rodadas atrás, quando foi ultrapassado pelo arquirrival São Paulo.

O Peixe abriu mão do Brasileirão na penúltima rodada, justamente por causa da decisão da Copa do Brasil, para poupar seus titulares. Na ocasião, o treinador alvinegro levou ao Paraná um time reserva, que perdeu por 1 a o para o Coritiba.