Copa do Brasil - Santos x Palmeiras (foto:Ivan Storti/LANCE!Press)

Dorival diz que Gabigol 'previu' o gol na decisão diante do Palmeiras (foto:Ivan Storti/LANCE!Press)

LANCE!
26/11/2015
01:10
Santos (SP)

Batedor de pênaltis do Santos desde a sequência de quatro falhas de Ricardo Oliveira, em setembro, Gabigol desperdiçou sua primeira oportunidade nesta quarta-feira, no jogo de ida das finais da Copa do Brasil, contra o Palmeiras. Sem o placar aberto logo aos cinco minutos do primeiro tempo, o Peixe martelou, mas só alcançou a vitória aos 33 da etapa complementar, justamente dos pés de seu camisa 10.

Logo após a partida, o técnico do Peixe, Dorival Júnior, elogiou seu comandado, que se redimiu do pênalti perdido com o gol que deu vantagem ao Santos para o jogo da próxima quarta-feira, no Allianz Parque. De acordo com o comandante, não foi necessário nenhuma conversa particular com o jovem de 19 anos, que, aliás, previu o gol marcado nesta quarta.


- O Gabriel tem personalidade, não abri a boca (para consolar pelo pênalti perdido). Pênalti é natural, pode ir para fora, defender, então não tive que falar nada. O jogador sabe muito bem, não preciso ficar ali batendo mais. Ele mesmo buscou a recuperação e falou: professor, vou decidir esse jogo - revelou Dorival após a partida contra o Palmeiras.

Gabigol marcou gols nas cinco fases finais da Copa do Brasil, e abriu vantagem sobre Neymar como dono do posto de maior goleador do clube na história da competição. Aos 19 anos, ele já tem 42 gols como atleta profissional. Já Dorival, o comandante que resgatou o futebol do camisa 10, manteve 100% de aproveitamento na Copa do Brasil do clube sob seu comando.