Gabriela Brino
20/08/2017
06:00
Santos (SP)

Em uma semana cheia de novidades, as saídas de Rafael Longuine e Cleber do Santos para o Coritiba foram mudanças que surpreenderam parte da torcida. Mas a maior surpresa fica para Léo Cittadini, que foi titular na última segunda, contra o Fluminense, no empate por 0 a 0, e repetirá a dose neste domingo, contra o Coxa, às 19h, no estádio Couto Pereira, pela 21ª rodada co Campeonato Brasileiro

O meia ganhou a chance do técnico por causa da ausência de Renato, que sentiu dores na coxa direita e não ficou à disposição no dia 14. Com isso, Léo atuou em uma posição atípica: a de segundo volante, e apesar do improviso, agradou o treinador, que rasgou elogios.

- Eu coloquei o Cittadini porque gosto dele, tem um desenvolvimento ótimo no meio de campo, bom controle de bola, domínio, o acho excelente - analisou Levir após a partida contra o Tricolor.

Com características que correspondem o comandante santista, Cittadini tem grande chance de ganhar sequência de jogos. E o segredo do, agora volante, é ajudar a reforçar a marcação e a finalizar.

- Sempre fui meia de origem, agora estou jogando um pouco mais recuado. Tenho como objetivo chegar bem na área para poder fazer gol e ajudar muito na marcação. Quero ajudar lá na frente com jogadas para os atacantes finalizarem e marcarem gols. Será meu diferencial - disse em entrevista ao LANCE!

Anteriormente Cittadini foi pouco utilizado pelo ex-técnico Dorival Júnior - apenas sete vezes -, mas foi o próprio que ligou para o atleta e pediu sua contratação no São Paulo. No entanto, o jovem de 23 anos optou por ficar e insistir em procurar espaço.

Apesar de se manter na Baixada Santista, o camisa 19 sonha alto. A única proposta que o tiraria do litoral paulistano seria a Europa. Porém, a cabeça de Léo está no Santos e na Libertadores.

- Estou focado no Santos, quero ganhar a Libertadores pela importância que ela tem para o clube....

Mas enquanto Cittadini falava, Zeca passou e fez questão de brincar com o atleta e reforçar a teoria:

- O Léo Cittadini é craque! Ele é craque - disse o lateral.

Se é ou não, ele terá a chance de provar na noite deste domingo. E o Coritiba que se cuide, pois tanto Zeca, quanto Levir já fizeram suas apostas. E para eles, excelente e craque estão na mesma frase.