Torcida do Santos no Pacaembu

Torcida do Santos tem comparecido em bom número no Pacaembu (Foto: Ivan Storti / Santos FC)

Russel Dias
14/03/2016
09:00
Santos (SP)

A diretoria do Santos comemorou o fato de ter contado com 16.035 pagantes no Pacaembu, no último sábado, na vitória por 1 a 0 sobre o Água Santa. Porém, a renda não foi de completo agrado para o clube. Com ingressos mais baratos, a R$ 20 (no Tobogã, com R$ 10 a meia), a renda foi de R$ 436.880,00, valor considerado baixo pela cúpula do clube.

Mesmo assim, o Peixe estuda mandar mais jogos no estádio da capital paulista durante o Campeonato Brasileiro. No ano passado, o Alvinegro realizou três partidas no Pacaembu: duas pelo Paulistão e uma contra o Figueirense, nas quartas de final da Copa do Brasil. A meta para essa temporada é levar mais jogos para o Estádio Paulo Machado de Carvalho.

Para encontrar uma  opção que seja de agrado do torcedor e da diretoria e que melhore a renda nos jogos em São Paulo, a diretoria acredita que os ingressos podem ter os preços alterados, desde que o jogo tenha relevância para atrair bom público.


Por outro lado, o presidente Modesto Roma Júnior não abre mão da Vila Belmiro em jogos decisivos, com o argumento de que os jogadores preferem o campo da Baixada Santista, com a torcida mais próxima.

A comparação feita para exemplificar que a renda do último jogo, de R$ 436.880,00, é baixa, envolve a Vila Belmiro. No clássico contra o Corinthians, apenas 9.635 pessoas compareceram, mas a renda foi de R$ 382.880,00.