Vecchio

Vecchio tem contrato com o Santos o fim de 2019 (Foto: Divulgação / Santos FC)

Russel Dias
20/06/2016
15:24
Santos (SP)

Fazer uma escolha profissional no futebol nem sempre cabe só ao jogador, e sim à família do profissional. No entanto, o argentino Emiliano Vecchio revelou que contrariou até sua esposa para deixar o Catar, onde os times costumam pagar altos salários, para jogador no Santos.

Apresentado na Vila Belmiro nesta segunda-feira, o meia admitiu que foi seduzido pela história do Alvinegro e vê o Santos como uma oportunidade única.

- Eu estava no Catar, ia assinar contrato de dois anos e quando chegou a proposta do Santos eu não duvidei. Minha mulher queria me matar. Ela queria ficar lá. Isso é verdade. Eu sabia que essa oportunidade era única e eu não duvidei. Não me arrependo de nada. Estou aqui porque eu quero e vim aqui para jogar. Se não tivesse essa vontade de conseguir coisas, teria ficado no Catar. Ainda tenho 27 anos, estou no melhor momento da minha carreira. O clube é conhecido por todo mundo. No Catar ninguém conhece nada. Quando falei que vinha para o Santos, todos falaram: é o time do Pelé - afirmou Vecchio.

Camisa 40, Emiliano Vecchio foi pedido pelo técnico Dorival Júnior. Apesar de sua única passagem pelo Brasil ter sido apagada (quatro jogos pelo Barueri em 2009, emprestado pelo Corinthians), ele aposta que desta vez seu futuro será diferente.

- Eu, quando tinha 18 anos, tive oportunidade de vir para o Brasil pela primeira vez. Assinei com o Corinthians e fui emprestado para o Barueri. Era muito novo. Fui para o Barueri, que tinha um time muito bom e já estava encaixado. Quando cheguei, foi difícil me adaptar. E o jogador que estava na posição estava jogando bem.

- Agora já estou à disposição, não sei se jogo quarta, mas estou pronto. Se tiver que jogar cinco minutos, estarei 100%. Se tiver que ser 90 minutos, também - avisa.

A janela de transferências no Brasil abre nesta segunda-feira. Se for regularizado a tempo, pode ser relacionado para encarar o Fluminense, na quarta-feira, às 21h45, no Espírito Santo.

FICHA TÉCNICA

Nome: Emiliano Gabriel Vecchio
Nascimento: 16/11/1988 - Buenos Aires (Argentina)
​Clubes: Rosario Central (Argentina), Fuenlabrada, Rayo Majadahonda (Espanha), Corinthians, Barueri, Defensores de Belgrano (Argentina), Unión Española, Colo-Colo (Chile) e Qatar SC (Catar).