Léo Saueia
23/12/2016
15:56
São Paulo (SP)

O presidente do Santos, Modesto Roma Júnior, voltou do Paraguai na noite da última quinta-feira sem boas notícias. O dirigente ouviu negativa do Atlético-MG sobre Cazares e não avançou nas negociações por Marcos Guilherme, do Atlético-PR.

Modesto se encontrou com Daniel Nepomuceno e Mário Celso Petraglia, presidentes de Galo e Furacão, respectivamente. Os dirigentes compareceram ao sorteio da Libertadores, e a ideia do santista era aproveitar a ocasião para avançar nas negociações.

Após ouvir que o Atlético-MG pretende contar com Cazares em 2017, o Santos praticamente desistiu da contratação do equatoriano. Já em relação Marcos Guilherme, o Peixe ainda tentará negociar.

O clube chegou a oferecer ao Atlético-PR atacante Thiago Ribeiro em troca, aceitando inclusive arcar com metade dos vencimentos de R$ 300 mil mensais. O Furacão, entretanto, recusou.

As tratativas entre os clubes continuarão, e o Santos ainda tem esperança em contar com o jovem de 21 anos, que terminou a temporada em baixa no Atlético-PR.

Até agora, o Santos contratou três reforços para 2017: o zagueiro Cleber, o lateral Matheus Ribeiro e o atacante Vladimir Hernandez.