icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/08/2015
16:27

Mesmo com a vantagem de dois gols conquistada no primeiro jogo, o Santos está estudando o Corinthians para o duelo de quarta-feira, às 22h, em Itaquera, pela volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Segundo o lateral Victor Ferraz, os jogadores do Peixe sabem os pontos fortes do Timão em seus domínios. Já os pontos fracos são mantidos em sigilo no CT Rei Pelé.

- Existe muito respeito com o Corinthians. Temos amigos lá e nos respeitam muito. O Corinthians tem essa solidez defensiva, mas não é mais aquele time que só ganha de 1 a 0. Melhoraram muito os números no ataque. Temos que estar bem ligados. Sabemos os pontos fortes e fracos e vamos tentar na quarta-feira aproveitar isso para sair classificado de lá.

- O ponto forte é a compactação, eles joga numa faixa de 30, 35 metros de uma linha para a outra. Tem que ser rápido para entrar na defesa deles. Do ponto fraco não posso falar senão eles fecham (risos). Deixa para a gente aproveitar - brincou o camisa 4 em entrevista coletiva nesta segunda-feira, reapresentação do Alvinegro após vencer o Avaí, no sábado, por 5 a 2, pelo Brasileirão.

Um jogador que chama a atenção de Ferraz em especial é o atacante corintiano Malcom, que atua pelo lado esquerdo do ataque rival. Por outro lado, Victor espera também ser motivo de preocupação na hora de atacar.

- O Malcom é rápido, habilidoso, arrisca jogadas, precisa ter atenção com ele e tentar neutralizar e marcar forte. Quando tivermos a bola, tem que fazer com que ele me marque também - apontou.

O Peixe venceu o primeiro duelo por 2 a 0 e pode até perder por um gol de diferença que avança às quartas de final da Copa do Brasil.

Mesmo com a vantagem de dois gols conquistada no primeiro jogo, o Santos está estudando o Corinthians para o duelo de quarta-feira, às 22h, em Itaquera, pela volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Segundo o lateral Victor Ferraz, os jogadores do Peixe sabem os pontos fortes do Timão em seus domínios. Já os pontos fracos são mantidos em sigilo no CT Rei Pelé.

- Existe muito respeito com o Corinthians. Temos amigos lá e nos respeitam muito. O Corinthians tem essa solidez defensiva, mas não é mais aquele time que só ganha de 1 a 0. Melhoraram muito os números no ataque. Temos que estar bem ligados. Sabemos os pontos fortes e fracos e vamos tentar na quarta-feira aproveitar isso para sair classificado de lá.

- O ponto forte é a compactação, eles joga numa faixa de 30, 35 metros de uma linha para a outra. Tem que ser rápido para entrar na defesa deles. Do ponto fraco não posso falar senão eles fecham (risos). Deixa para a gente aproveitar - brincou o camisa 4 em entrevista coletiva nesta segunda-feira, reapresentação do Alvinegro após vencer o Avaí, no sábado, por 5 a 2, pelo Brasileirão.

Um jogador que chama a atenção de Ferraz em especial é o atacante corintiano Malcom, que atua pelo lado esquerdo do ataque rival. Por outro lado, Victor espera também ser motivo de preocupação na hora de atacar.

- O Malcom é rápido, habilidoso, arrisca jogadas, precisa ter atenção com ele e tentar neutralizar e marcar forte. Quando tivermos a bola, tem que fazer com que ele me marque também - apontou.

O Peixe venceu o primeiro duelo por 2 a 0 e pode até perder por um gol de diferença que avança às quartas de final da Copa do Brasil.