Treino Santos - Serginho e Longuine (foto:Ivan Storti/Santos)

Serginho (na esquerda) e Longuine farão a dupla de meias do Peixe no San-São (foto:Ivan Storti / Santos)

Russel Dias
23/03/2016
06:00
Santos (SP)

Não ter Lucas Lima e outros quatro titulares, convocados à Seleção Brasileira, em um clássico contra o São Paulo preocupa desde o técnico Dorival Júnior até os torcedores santistas, no entanto, os dois meias que serão titulares do Peixe, no domingo, na Vila Belmiro, às 18h30, têm motivação de sobra para vencer.

Serginho, que hoje é titular absoluto do Santos, chegou a não ter certeza se voltaria a jogar futebol. Isto porque ainda na adolescência, quando jogava na base do São Paulo, ele teve uma lesão nas costas, e os médicos chegaram a lhe dizer que ele poderia não voltar a jogar. Agora, quase sete anos depois, ele sabe o que estará pensando no domingo, quando for titular do Santos pela primeira vez em um clássico contra seu ex-clube.

– Tem um gostinho a mais, da gente querer mostrar, não só o que perderam, mas do que abriram mão naquela época – diz o meia de 21 anos em entrevista ao LANCE!.

Na vaga de Lucas Lima, o provável substituto é Rafael Longuine, que aproveitou bem sua última chance como titular. Foi dos pés dele que saiu o gol da vitória do Peixe contra o Água Santa, no Pacaembu, enquanto Lucas Lima estava suspenso pelo terceiro cartão.

Além de ter balançado as redes nessa oportunidade, ele se recorda de ter feito gol no próprio São Paulo, na mesma Vila Belmiro, na vitória santista por 3 a 0 sobre o Tricolor, em 9 de setembro do ano passado, pelo segundo turno do Campeonato Brasileiro.

– A lembrança é boa (de enfrentar o São Paulo), principalmente por estar fazendo gols em clássico. Cabe a nós nos prepararmos bem durante a semana e focarmos bem para ter essa chance de novo – opina o camisa 17.

Enquanto o técnico Dorival Júnior coça a cabeça para definir o time que entra em campo, os considerados reservas têm motivação de sobra para querer estar em um clássico como este, diante do rival São Paulo.

Conforme a Seleção Brasileira continuar desfalcando o Santos, é deles que Dorival e companhia vai precisar para o Paulistão, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil.

O desafio está lançado.