Leonardo, do Mersin

Leonardo deixou o Santos no fim de 2015 (Foto: Divulgação)

Gabriel Carneiro
07/01/2016
17:38
São Paulo (SP)

Contratado pelo Santos por indicação de Robinho após a disputa do Paulistão do ano passado com a camisa do Ituano, o zagueiro Leonardo rescindiu com o clube nesta quarta-feira e já tem destino certo para a sequência da carreira. Por dois anos e meio, e salários superiores ao que recebia na Vila Belmiro, o jogador de 29 anos agora defenderá o Mersin Ídman Yurdu, clube da Primeira Divisão da Turquia, que não desembolsou nada pela contratação. Leonardo foi um dos 11 jogadores que deixaram o Peixe no fim de 2015 para o começo de 2016, e nem todos têm futuro definido.

O volante Ledesma, por exemplo, ainda não definiu em qual time atuará nesta temporada. Ele negociou com o Crucero del Norte, da Segunda Divisão da Argentina, mas as conversas esfriaram depois de uma sondagem do Frosinone, modesta equipe que disputa a elite do Campeonato Italiano. O jogador, que defendeu o Peixe em apenas quatro jogos, deseja voltar para a Itália, onde fixou residência, e está próximo de um acerto com o novo clube. Segundo seu estafe, o volante de 33 anos só "trocaria" a volta à Itália por um clube que dispute a Libertadores de 2016. Nas últimas horas, motivados pela rescisão com o Peixe, alguns clubes brasileiros entraram em contato com os agentes, mas a possibilidade de permanência no país é baixa.

Nesta quinta-feira, também, o Santos acertou a venda de Rafael Galhardo ao Anderlecht, da Bélgica. Além dos três, também deixaram a Vila Belmiro os seguintes jogadores: Nilson (fora dos planos, sem destino certo), Leandro (fora dos planos, foi emprestado pelo Palmeiras ao Coritiba), Chiquinho (fora dos planos, agora do Flamengo), Crystian (fora dos planos, agora do Paysandu), Werley (não acertou a renovação e volta para o Grêmio) e Marquinhos Gabriel (não acertou a renovação e volta para o Al Nassr, da Arábia Saudita).

O Santos ainda emprestou o goleiro Gabriel Gasparotto ao Capivariano, que disputa a elite do Paulistão em 2016, e o atacante Diego Cardoso defenderá o Villa Nova-MG até o fim da temporada.